Terça-feira, 12 de Novembro de 2019
ZONA LESTE

Suspeito em latrocínio de servente de pedreiro é preso após roubo de carro

Aluízio de Oliveira Anjos, de 21 anos, é suspeito de envolvimento na morte de Ruy Coelho, de 26, morto após reagir a um assalto. Outro homem também foi preso em flagrante



IMG-20191003-WA0053_9F946826-416C-4D42-B9A9-143203D2C1E8.jpg Foto: Alailson Santos/Polícia Civil
03/10/2019 às 16:15

Aluízio de Oliveira Anjos, de 21 anos, e Igor Matheus Nascimento de Souza, de 20, foram presos com dois carros e uma motocicleta roubados, no bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus. A prisão ocorreu na terça-feira (1º) e os suspeitos foram apresentados nesta quinta (3). Segundo a polícia, Aluízio também está envolvido em um latrocínio ocorrido no dia 21 de setembro, no mesmo bairro. O outro envolvido no crime, Pierre Batista Marques, está foragido.

Segundo o delegado Guilherme Torres, titular da Delegacia de Roubos, Furtos e Defraudações (Derfvd), o latrocínio em que Alúzio Anjos é suspeito teve como vítima o servente de pedreiro Ruy Coelho Campos, de 26 anos. A vítima teria reagido a um assalto a um mercadinho.



Conforme a Polícia Civil, as investigações sobre o grupo criminoso iniciaram após o latrocínio que vitimou Ruy Coelho. Aluízio e dois elementos armados renderam a vítima e, após reação, dispararam um tiro no pescoço da vítima. Eles roubaram dinheiro do caixa do estabelecimento comercial e, em seguida, fugiram.

"A área que o Aluísio se escondia era um local com diversos becos e todas as vezes eles conseguiam fugir da polícia. Na madrugada antes da prisão, a dupla roubou um veículo modelo Gol. Eles estavam trafegando em um veículo modelo C4 Pallas com restrição de roubo. Uma motocicleta roubada estava no local onde eles se escondiam, pois era uma área de difícil acesso”, relatou o delegado Guilherme Torres, titular da especializada.

O delegado disse, ainda, que o foragido Pierre foi quem efetuou o disparo que culminou na morte do servente de pedreiro Ruy Coelho. Já Igor e Aluísio atuaram diretamente no roubo do veículo Gol, do C4 pallas, da motocicleta e de um veículo modelo Fiat Uno.

“Ao todo, eles têm aproximadamente cinco inquéritos instaurados por roubo majorado. Além do latrocínio, o Aluísio tem cinco boletins de ocorrência contra ele, mandado por tráfico de drogas. As investigações apontam que a dupla cometia roubos de veículos e celulares. Eles confessaram os crimes, informaram que o latrocínio não foi planejado, e confessaram ainda o roubo dos carros. Na verdade, eles pegam esses veículos e vendem, não é para desmanche. O Aluísio é o principal líder dessa quadrilha, era ele quem coordenava”, informou Guilherme Torres.

Aluísio foi autuado em cumprimento a mandado de prisão por tráfico de drogas, latrocínio e em flagrante por roubo majorado. Igor foi autuado por roubo majorado e será levado para audiência de custódia. Aluísio será encaminhado ao Centro de Detenção Provisório Masculino (CDPM).

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.