Publicidade
Manaus
Manaus

Suspeitos de cometer arrastão em paradas de ônibus na ZN são presos após trocar tiros com a PM

Os quatro homens vinham usando um carro roubado para realizar os delitos, segundo a polícia. Um deles foi baleado durante o tiroteio 06/02/2016 às 12:23
Show 1
Segundo os policiais, os criminosos estavam cometendo assaltos desde a noite de sexta-feira (5)
Kelly Melo Manaus (AM)

Quatro homens foram presos na manhã deste sábado após cometerem um arrastão em paradas de ônibus, usando o carro roubado, e trocarem tiros com a polícia na Zona Norte. Um dos criminosos foi baleado durante o tiroteio.

O cabo Jorge Junior, da 18ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), explicou que eles estavam realizando um patrulhamento pela avenida Chico Mendes, no Novo Israel, quando foram informados sobre os assaltos.

"Nos encontramos algumas vítimas que estavam na parada de ônibus e fomos atrás. Localizamos o veículo, um Ford Ka vermelho, e mandamos parar, mas eles não pararam e vieram parar aqui no conjunto Manoa", disse.

Durante a perseguição, os bandidos atiraram contra os policiais, que revidaram os tiros. O motorista do veículo, identificado como Rafael da  Costa Oliveira, 20, foi baleado no braço e costela, e perdeu a direção do carro que bateu no muro de uma igreja católica. "Aqui nós conseguimos deter os suspeitos. Eles estavam armados com escopetas e armas caseiras", afirmou o cabo.


Rafael foi levado para o Hospital e Pronto Socorro Platão Araújo, na Zona Leste. Os outros suspeitos foram identificados como Éder Mourão Feijó, 29, Diego Soares da Silva, 19, Marcos Alexandre Moraes, 18. Segundo os policiais, os criminosos estavam cometendo assaltos desde a noite de sexta-feira (5).

Dentro do veículos foram encontradas diversas bolsas e objetos roubados. O caso será registrado no 15o Distrito Integrado de Polícia (DIp), no Nova Cidade, na Zona Norte.

Publicidade
Publicidade