Publicidade
Manaus
Manaus

Taxista é feito refém e escapa após se jogar de veículo em movimento na Zona Leste

Na tentativa de fugir e evitar ser morto pelo trio, o motorista se jogou do veículo em movimento 21/08/2013 às 08:11
Show 1
Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil, o carro foi levado ao 9º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e liberado ao taxista
Bruna Souza Manaus, AM

<!-- /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:"Tabela normal"; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-qformat:yes; mso-style-parent:""; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin-top:0cm; mso-para-margin-right:0cm; mso-para-margin-bottom:10.0pt; mso-para-margin-left:0cm; line-height:115%; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:"Calibri","sans-serif"; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-bidi-font-family:"Times New Roman"; mso-bidi-theme-font:minor-bidi; mso-fareast-language:EN-US;}-->

Um taxista de 52 anos da empresa Ajuricaba Radiotáxi passou minutos de terror na mão de três assaltantes, entre eles uma mulher, após ser pego como refém durante um assalto na noite de terça-feira (20). Raimundo Auzierde Almeida conseguiu escapar depois de se jogar do veículo em movimento na alameda Cosme Ferreira, bairro Coroado, na Zona Leste de Manaus.

De acordo com informações de policiais militares da 11ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), o trio fez parada para o veículo, modelo Siena de placas NOL 8768, na rua Girassol Amarelo, no mesmo bairro. Assim que entraram, os assaltantes anunciaram o assalto e Raimundo ficou sob a mira de dois revólveres. A vítima disse aos policiais que era ameaçado de morte durante todo o percurso.

Na tentativa de fugir e evitar ser morto pelo trio, o taxista se jogou do veículo em movimento. O bando evadiu-se do local, tomando o sentido bairro-Centro da via. A vítima, que ficou com algumas escoriações pelo corpo, conseguiu acionar os policiais e minutos depois o carro foi encontrado, depois de ser abandonado pelo trio nas proximidades.

Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil, o carro foi levado ao 9º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e liberado ao taxista, porém o mesmo não quis registrar o Boletim de Ocorrência (B.O). O valor levado no assalto não foi informado pela polícia.

V9xWqsKO
Publicidade
Publicidade