Quinta-feira, 21 de Novembro de 2019
Manaus

Taxista é preso suspeito de lucrar mais de R$ 1 milhão com golpes aplicados no Amazonas

Ele é responde a 13 inquéritos por estelionato na Justiça do Amazonas e é suspeito de aplicar golpes em mais de 20 empresários do Estado



1.jpg O taxista foi preso em 2014 pelo mesmo crime de estelionato, mas ficou apenas 45 dias detido
12/02/2015 às 13:35

O taxista Raimundo Corrêa Sales, o “Careca”, de 37 anos, foi preso por policiais da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd) na tarde desta quarta-feira (11), na Feira do São José 2, Zona Leste de Manaus. Ele é responde a 13 inquéritos por estelionato na Justiça do Amazonas e é suspeito de aplicar golpes em mais de 20 empresários do Estado que, somando tudo, corresponde há mais de R$ 1 milhão de reais.

O último golpe sofrido por um empresário no ramo de transporte foi no valor de R$ 150 mil. Segundo o titular da Derfd, delegado Adriano Félix, o suspeito tinha dois mandados de prisão em aberto, um expedido em julho de 2013 e outro em agosto de 2014. Conforme o delegado, “Careca” investia o dinheiro em negócios próprios e em festas de luxo.



Ele já havia sido preso no ano passado pelo mesmo crime, mas ficou apenas 45 dias atrás das grades. Ele será autuado por estelionato e será encaminhado à cadeia pública Raimundo Vidal Pessoa, situada no Centro da capital.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.