Quarta-feira, 24 de Abril de 2019
publicidade
est_dio_29359CEB-7EBD-4D73-9590-2F9B443ADAA1.JPG
publicidade
publicidade

TEMPLO DO ESPORTE

Televisores dos camarotes da Arena da Amazônia foram roubados

Foram encontrados também problemas em elevadores, extintores de incêndio e em outros espaços da Arena


25/01/2019 às 18:35

Inaugurada em 2014, a Arena da Amazônia passou por obras em 2016, mas a situação de alguns setores reflete o abandono do espaço. Durante visita de Wilson Lima foi constatado que muitos materiais foram roubados, assim como da Vila Olímpica, que também recebeu a visita do governador.

“Os vestiários estão com infiltrações. O gramado está em más condições e já começou a ser recuperado para o início do Campeonato Amazonense de Futebol. Levaram daqui da Arena televisores dos camarotes. Dos centros de treinamento levaram torneiras, portas. Uma ação criminosa da parte de quem levou e de quem observou isso acontecer e não tomou nenhuma atitude”, frisou Wilson Lima, que estima que o prejuízo seja de ao menos R$ 1,5 milhão.

Também foram encontrados problemas estruturais nos vidros (blindex) dispostos nas arquibancadas, sensores de movimento, louças, torneiras e descargas dos banheiros e vestiários, catracas eletrônicas, geradores, elevadores e extintores de incêndio.

publicidade

Mais problemas

Não só na Arena de Amazônia, como na Vila Olímpica e nos estádios Carlos Zamith e Ismael Benigno, centros de treinamento e na própria sede da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel) foram identificados furtos e extravios de aparelhos de musculação, computadores, aparelhos de ar condicionado, mesas, portas, peças dos sistemas de iluminação, cabos de energia e rádios comunicadores.

De acordo com o levantamento feito pela atual gestão, no procedimento adotado anteriormente as aquisições feitas pelo estado, para uso da Sejel, entravam no depósito mas eram encaminhadas para outros destinos (Vila Olímpica, estádios, centros de treinamento ou a própria sede da secretaria) antes de serem catalogadas. Essa prática permitia que equipamentos fossem deslocados e até subtraídos do depósito, sem que qualquer registro fosse feito.

publicidade
publicidade
Wilson Lima e ministro da Infraestrutura irão fazer expedição pela BR-319
Masters do Corinthians enfrenta Seleção Evangélica do AM na Arena em maio
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.