Publicidade
Manaus
Mobilidade

Trânsito na área da Manaus Moderna ainda é o maior problema do Centro

Segundo o Manaustrans, a fiscalização de trânsito na área da Manaus Moderna é realizada todos os dias com 12 agentes, por turno. No período de festas nas cidades do interior , o efetivo da fiscalização passa para 20 agentes, por turno 13/06/2016 às 19:19 - Atualizado em 14/06/2016 às 11:58
Show manaus moderna 2
O cenário de caos incomoda tanto motoristas quanto pedestres que circularam por aquela área (Foto: Antônio Menezes)
Silane Souza Manaus (AM)

Trafegar na área na área da Manaus Moderna, no Centro, é para quem tem muita paciência. E nesse período então nem se fala. Com a cheia, os caminhões param para descarregar mercadoria quase no meio da avenida Lourenço da Silva Braga deixando pouco espaço para os demais veículos passarem. Além disso, a venda de passagens de barco para o Festival Folclórico de Parintins aumenta o fluxo naquela região, uma vez que as agências ficam nas proximidades das escadarias do porto.

O cenário de caos incomoda tanto motoristas quanto pedestres que circularam por aquela área. Muitos acham que não tem mais jeito para resolver o problema, que perdura há anos. Outros acreditam que uma maior fiscalização resolveria a situação. “Ninguém respeita ninguém, por isso, fica esse caos. Se tivesse fiscais intervindos no trânsito e orientando os motoristas não ficava essa confusão”, afirmou o agente de portaria José Loureiro, 31.

Para o motorista de caminhão Raimundo da Silva, 45, falta espaço destinado somente à descarga de mercadoria. Conforme ele, se houvesse um local só para esse fim talvez o trânsito fluísse melhor. “A Manaus Moderna é uma área muita movimentada. O fluxo de pessoas e veículos é intenso durante todo o dia. Sem um espaço específico para cada um fica muito complicado controlar o tráfego, pois todos tem algo para fazer nesse local”, disse.

O Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização no Trânsito (Manaustrans) informou que a fiscalização de trânsito na área da Manaus Moderna é realizada todos os dias com 12 agentes, por turno. No período de festas nas cidades do interior do Estado, quando aumenta o movimento no local, o efetivo da fiscalização passa para 20 agentes, por turno.

O órgão ressaltou que, o fluxo intenso na Manaus Moderna é resultado da circulação de veículos e pedestres atraídos por quatro pólos geradores de tráfego, concentrados na mesma via (um porto de embarque/desembarque de passageiros; um mercado público; um porto de cargas e a Feira da Banana). Além desses, há também grande quantidade de lojas situadas na área cujos clientes utilizam a avenida Lourenço da Silva Braga como principal via de acesso.

Saiba mais

A Zona Máxima de Restrição de Circulação (ZMRC), implementada em 2013 pelo Manaustrans, restringe a circulação de veículos pesados em dez ruas do Centro. Na avenida Lourenço da Silva Braga (Manaus Moderna), apenas caminhões acima de  16 toneladas são proibidos de circular de segunda a sexta-feira, no horário das 6h às 20h e nos sábados de 6h às 17h.

Em números

20 agentes realizam a fiscalização de trânsito na área da Manaus Moderna, todos os dias, durante o período de festas nas cidades do interior do Estado, quando aumenta o movimento no local, de acordo com o Manaustrans.

Publicidade
Publicidade