Publicidade
Manaus
Manaus

Trecho da av. Torquato Tapajós ganhará semáforo inteligente

Na entrada do bairro Novo Israel, prefeitura instalará semáforo botoeira, onde é necessário apertar botão para ativar permissão de travessia. Pedestres reclamam da ineficiência de faixa e prefeitura planeja construir passarela 11/09/2014 às 15:23
Show 1
Manaustrans e Detran avaliaram problema e soluções para o trânsito
ACRITICA.COM Manaus (AM)

O Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans) e o Departamento de Trânsito do Amazonas (Detran) iniciaram, nesta quinta-feira (11), estudo para identificar as providências a serem adotadas na avenida Torquato Tapajós para facilitar o fluxo de pedestre. A primeira medida será a implantação de um semáforo com botoeira, que será feito nos próximos dias.

Os dois órgãos têm recebido inúmeras reclamações em relação à ineficiência da faixa de pedestre que existe em frente à entrada do bairro Novo Israel, Zona Norte. Nessa primeira etapa, técnicos dos dois órgãos foram ao local para buscar os dados estatísticos, como o número de veículos trafega pelo local e quantos pedestres utilizam a faixa.

“Temos uma via com um volume de veículos muito grande e ao mesmo tempo temos os pedestres que precisam atravessar. Estamos fazendo um estudo, que vai se estende ao final de semana, para termos uma noção de quais providências vamos tomar”, afirmou o diretor presidente do Manaustrans, Paulo Henrique Martins.

Nos horários de pico, pela manhã e à tarde, aproximadamente cinco mil veículos utilizam a via, mas como a prioridade no trânsito é do pedestre, o local vai ser monitorado constantemente e vai ser instalado um semáforo com botoeira, permitindo ao pedestre acioná-lo no momento da travessia.

“O ideal é a construção de uma passarela, mas como isso demanda tempo, optamos pela instalação de um semáforo, pois isso evita que cada pessoa que chega para atravessar pare o trânsito. Em comum acordo com o Manaustrans será instalado esse semáforo, até que se construa a passarela”, disse o diretor do Detran.

O autônomo Raimundo Nonato da Silva passa pelo local diariamente e opina que uma passarela seria solução para cessar os acidentes que acontecem no local. “É muito difícil atravessar aqui. Melhor seria uma passarela. Assim evita acidentes”, afirmou Nonato. O trabalho realizado pelo Manaustrans e Detran será levado a outros pontos da cidade como entrada do bairro Parque São Pedro, novo Hospital da Zona Norte e bairro Santa Etelvina.

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade