Publicidade
Manaus
Manaus

Três corpos em avançado estado de decomposição são encontrados na Vivenda do Pontal

Triplo homicídio: três homens tiveram pés e mãos amarrados e foram mortos a tiros a cerca de uma semana. Ossos dos crânios já estavam aparentes 07/11/2015 às 11:31
Show 1
Corpos estavam em matagal na beira do ramal da Grama, na Vivenda do Pontal, no Tarumã
VINICIUS LEAL E OSWALDO NETO Manaus

Três corpos em avançado estado de decomposição foram encontrados na manhã deste sábado (7) em um ramal localizado dentro do conjunto Vivenda do Pontal, no bairro Tarumã, Zona Oeste de Manaus.

As três vítimas são homens ainda não identificados, com idades entre 18 e 28 anos. Os corpos estavam um ao lado do outro dentro de um matagal na beira da estrada do ramal da Grama, na Vivenda do Pontal. Todas as vítimas vestiam camisa e bermuda, estavam com pés e mãos amarrados e tinham marcas de tiro nas costas.

Os corpos foram localizados por pessoas que passavam no local, que acionaram por volta de 7h30 os policiais militares da 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom). Segundo o tenente PM Odelismar Alves, as vítimas podem ter sido mortas há mais de uma semana, devido o avançado estado de decomposição.

Ainda não é possível confirmar se os três homens foram mortos dentro do ramal ou se foram assassinados em outro lugar e tiveram os corpos jogados ali. Segundo o tenente Odelismar, a decomposição era tão avançada que os ossos dos crânios das vítimas já estavam aparentes.

A principal suspeita para motivação do crime é acerto de contas, já que as características do homicídio são de execução. A perícia da Polícia Civil e uma equipe de investigação da Delegacia de Homicídios e Sequestros (DEHS) compareceram ao local. O Instituto Médico Legal recolheu os corpos.

Publicidade
Publicidade