Publicidade
Manaus
Ensino Superior

Emoções a mil: UEA teve divulgação de resultado do vestibular à moda antiga

Candidatos acompanharam a divulgação das listas impressas dos 5,3 mil aprovados na reitoria da instituição 05/12/2018 às 07:10
Paulo André Nunes Manaus (AM)

A frase “passei, passei, uhuuuu!” foi uma das mais proferida, nesta terça-feira (4), após a divulgação do resultado das provas do Vestibular e do Sistema de Ingresso Seriado (SIS) da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). Contrariando os atuais tempos de Internet, uma imensidão de candidatos se reuniu para ver a lista de aprovados in loco  na sede da reitoria da instituição, na avenida Djalma Batista, numa mistura de euforia e esperança.

Pela manhã, o Coral Tubones recepcionou os futuros calouros, amigos e familiares na Reitoria da UEA. A lista de aprovados foi conduzida pelo próprio reitor, Cleinaldo Costa, e servidores da UEA, e afixada no mural da instituição. “Hoje é um dia de muita emoção para 5.337 famílias amazonenses que terão os seus calouros na Universidade do Estado do Amazonas”, disse o reitor. 

Antes e após anúncio do resultado, expectativa e emoção por parte de quem escolheu a sede da UEA para conferir se seu nome estava aprovado.

“Essa é a maior emoção que eu já senti na vida. Nunca senti algo assim. Tudo foi recompensado agora”, comentou a jovem Heloísa Albuquerque, de 18 anos, que foi aprovada para Medicina. Nascida em Manacapuru, a 86 quilômetros de Manaus, ela fez todo o Ensino Médio no município do interior. 

“Não sei explicar essa felicidade. Eu já fazia Enfermagem na UEA, e também havia sido aprovada para Pedagogia na Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e agora consegui o que eu sempre quis desde criança, que era Medicina”, disse a candidata vitoriosa, agradecendo aos pais: “Devo tudo a eles”.

Muitos pais estavam com seus filhos acompanhando o resultado. É o caso da procuradora do Estado Karina Salama, que viu a felicidade e a emoção da filha, Gabriela Salama, aprovada em Direito. “Esse é o coroamento de mais uma etapa de êxito e recheada de dedicação  e estudo. É gratificante”, disse a mãe, falando pela filha que, em êxtase, não quis comentar a aprovação.

Saiba mais: Estudante de 15 anos de escola pública da Zona Leste passou no Vestibular da UEA para Medicina

O jovem João Luiz Cunha, 18, era só felicidade com a vaga garantida para Medicina. “Essa emoção é indescritível. Nós passamos estudando o ano inteiro para chegar aqui e ter essa surpresa”, disse ele, que estava acompanhado dos amigos Lucas Damasceno e João Freire.

“Ser aprovada é uma sensação de que valeu a pena todo o esforço e também agradeço a Deus, a quem eu acredito muito. Foi ele quem me ajudou nesta vitória, mas eu também fiz a minha parte”, disse a estudante Jayana Rocha, 18, que passou para Língua Portuguesa, um dos seus sonhos de vida. 

 Não foi desta vez? Insista e estude mais

Quem não foi aprovado desta vez nos vestibulares da UEA não deve se abater, pelo contrário: insista, estude mais para passar e confie em seu potencial. O recado é do professor Klinger Feitoza, coordenador do Projeto Medicina da instituição de aulas particulares “Casa do Reforço”, localizada no Dom Pedro, Zona Centro-Oeste.

 Fotos: Euzivaldo Queiroz - 04/dez/2018

“Observamos que algumas pessoas não alcançaram êxito. O curso de Medicina é bastante concorrido  e onde os alunos de escolas particulares são contemplados com apenas 12 vagas e os de escolas públicas com 17 vagas, então quem não é aprovado não pode ficar triste. O que ele deve fazer é uma autoanálise, de ver o que ficou pendente, em quê ele errou e trabalhar em cima desse erro para que ano que vem alcance a aprovação”, comentou.

O melhor remédio para a tristeza momentânea de quem não conseguiu uma vaga na Universidade do Estado do Amazonas é continuar estudando, aconselha o mestre. “Exatamente isso, e eles já podem começar. Estamos  em dezembro e janeiro está aí. Podem continuar os estudos, levantar a cabeça e partir para o próximo ano”, disse ele.
 
Os novos universitários

Neste ano, 5.337 vagas foram ofertadas pela UEA por meio do Vestibular e SIS, incluindo 264 vagas para alunos indígenas e 340 vagas para Pessoa com Deficiência (PcD). Para o Vestibular foram abertas  3.199 vagas, sendo 1.178 para a capital e 1.662 para o interior, além de 138 vagas para indígenas e 221 para PCD. Já o Edital do SIS dispôs de 2.138 vagas, sendo 785 para a capital e 1.108 para o interior, além de 126 para indígenas e 119 para PCD.

A lista online dos aprovados também está disponível, desde as 11h, no site da UEA (http://www.uea.edu.br) nos links “Vestibular” e “SIS”.

O Edital de Matrícula  para os cursos com início no segundo semestre de 2018 será divulgado no dia 25 de abril de 2019.

Publicidade
Publicidade