Quinta-feira, 14 de Novembro de 2019
CERTAME

Ufam divulga gabaritos de concurso para a contratação de quadro técnico; confira

Ao todo, 5.499 candidatos participaram do certame. As provas foram aplicadas em Manaus, Humaitá, Coari, Itacoatiara e Parintins



ufam_E14940AA-4D4E-4D35-9CB0-A282CA612396.JPG Foto: Divulgação
17/09/2018 às 17:01

A Universidade Federal do Amazonas, por meio da Comissão Permanente de Concursos (Compec), realizou no último domingo (16), o concurso público para a contratação  de técnico-administrativos em Educação. As provas foram aplicadas em nove locais da capital amazonense (em sete escolas públicas e nos dois blocos da Faculdade de Ciências Agrárias, no setor Sul do Campus Sede) e nos campi de Humaitá, Coari, Itacoatiara e Parintins.

O gabarito preliminar, as provas e o formulário para interposição de recursos já estão disponíveis na página da Compec: http://www.comvest.ufam.edu.br/.



A partir desta segunda-feira (17) até o dia 18 de setembro, os candidatos podem apresentar recursos contra questões das provas objetivas. A Compec indica o dia 22 de outubro como data provável para a publicação do resultado final do concurso.

A aplicação das provas transcorreu dentro da normalidade. Os 5.499 candidatos não tiveram qualquer problema em relação à estrutura de atendimento oferecido pela Comissão (Compec). A logística bem elaborada facilitou aos candidatos realizarem as provas dentro das melhores condições possíveis. Não foi registrada nenhuma ocorrência até o término das provas, às 12h15 de domingo.

Preliminarmente, entre 15 e 20% dos candidatos não compareceram para realizar as provas. Os dados estatísticos do certame ainda serão levantados e divulgados pela Compec posteriormente. Segundo a Comissão, 1.919 candidatos concorreram a 18 vagas para cargos de nível médio, e 3.580 para 25 vagas para nível superior, com etapa única, com provas objetivas de caráter eliminatório e classificatório, com exceção do cargo de Tradutor e intérprete de Linguagem de Sinais (Libras), que terá segunda etapa (prova prática).

Segundo a presidente da Compec, professora Ana Galotta, não foi registrada nenhuma ocorrência na realização das provas. “O concurso ocorreu com normalidade em todos os nove locais da capital e nas quatro unidades acadêmicas do interior. O índice de abstenção ficou em torno de 15 a 20%, mas são dados informais, que posteriormente serão computados e divulgados com mais exatidão. No interior não tivemos nenhum comunicado dos coordenadores sobre qualquer problema. Tudo transcorreu como planejamos”, afirmou a docente.

O candidato ao cargo de Técnico em Assuntos Educacionais, Victor Fernando Ramos de Oliveira, que veio da cidade de Castanhal, no Pará, disse que a ideia é fazer uma boa prova e espera obter a aprovação. “Vim com a perspectiva de passar. Estudei bastante para fazer uma boa prova e espero a aprovação”, disse o candidato.

A candidata Ana Marli de Souza Lima, que também concorreu ao cargo de Técnico em Assuntos Educacionais de nível superior, destacou que é uma boa oportunidade ter um trabalho com certa segurança. “É uma oportunidade de concorrer a um cargo num órgão público federal. Dá uma certa segurança e estabilidade. Espero que me saia bem’, destacou Ana Marli.

Já o candidato ao cargo de Auditor, Ivan Coutinho Vieira, afirmou que foi uma prova relativamente difícil, principalmente, a parte de auditoria e contabilidade. “Foi um nível de médio a elevado. As perspectivas são boas, apesar das poucas vagas, mas no geral estou confiante”, afirmou o candidato.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.