Sábado, 20 de Julho de 2019
SEM ATENDIMENTO

Unidades Básicas de Saúde da Prefeitura não vão funcionar durante o carnaval

Secretaria Municipal de Saúde afirma que, apesar de as unidades não funcionarem, as ações de prevenção executadas deverão ser intensificadas nesse período



ubs.JPG Foto: Arquivo/AC
07/02/2018 às 20:45

As Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da Prefeitura de Manaus terão as atividades interrompidas durante o feriado do Carnaval. De segunda (12) à quarta-feira (14) não haverá atendimento nas unidades, o que voltará a ser feito na quinta (15). Todas as unidades, incluindo as de horário ampliado, que ficam abertas até às 21h, vão funcionar até sexta (9), reabrindo depois do período de folia.

A exceção é a UBS José Rayol do Santos, na avenida Constantino Nery, s/n – Flores. A unidade vai funcionar no fim de semana e feriados, das 8h às 12h, para atender, exclusivamente, ao programa da Raiva Humana. Apesar disso, as ações de prevenção executadas pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) deverão ser intensificadas nesse período.

Em parceria com a Fundação de Vigilância em Saúde (FVS) e outros órgãos, a Semsa estará presente na abertura oficial do Carnaval 2018, às 19h deste sábado (10), no Sambódromo, com o desfile do bloco de Carnaval Xô Mosquito, para alertar os foliões sobre a importância de combater o Aedes Aegypti também durante as festas de Momo.

O secretário municipal de Saúde, Marcelo Magaldi, destaca que o tradicional bloco da saúde também chamará a atenção para temas recorrentes do Carnaval.

“O bloco também abordará a prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e a doação de sangue, temas de extrema importância nessa época do ano, que precisam ser bordados para conscientizar cada vez mais a população manauara”, destaca Magaldi.

Pelo menos 300 “foliões” da Semsa deverão participar do grande bloco que será composto pelas alas: Xô Mosquito, Pneu, Caixa D’água, Camisinha e Vampirão, embalados pela Banda da Polícia Militar. A entrada de menores de 18 anos e bebidas em geral não serão permitidas. O desfile está previsto para começar logo após a apresentação da Corte do Carnaval, seguido pelas Escolas de Samba do Grupo Especial.

Prevenção na Folia

As equipes da Semsa estão desenvolvendo ações de prevenção às Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) desde o início da realização de blocos e bandas na cidade.

A estimativa é atuar em 100 eventos no Carnaval deste ano, com a distribuição de aproximadamente 500 mil unidades de preservativos masculinos, 150 mil unidades de preservativos femininos e 150 mil sachês de gel lubrificante.

A equipe é composta por profissionais de 134 Unidades de Saúde que estão atuando durante ensaios, apresentações, desfiles de bandas, blocos e estarão no Sambódromo, no desfile das Escolas de Samba.

O secretário de Saúde lembra que o intuito da ação é orientar os foliões quanto à importância do uso adequado dos preservativos.

“O período de Carnaval é uma oportunidade de massificar as informações sobre a transmissão e prevenção das ISTs, principalmente no caso de sífilis, hepatites virais e HIV. São doenças graves e que podem ser evitadas com o uso de preservativos” afirma Magaldi.

Todas essas ações vão envolver uma média de 1,2 mil servidores dos cinco Distritos de Saúde da capital, além da participação de 50 membros de Organizações da Sociedade Civil filiadas ao Fórum OSC IST/HIV/Aids/TB do Amazonas.

*Com informações da assessoria de imprensa.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.