Publicidade
Manaus
Manaus

Veículo Leve sobre Pneus vira tema de reunião nesta terça (04)

Superintendente da SMTU, Pedro Carvalho, foi ‘convocado’ pelo prefeito Artur Neto para discutir a adoção do modal 04/06/2013 às 11:23
Show 1
O superintendente da SMTU, Pedro Carvalho, que visitou o VLP na França, foi convocado para uma reunião com Artur Neto
náferson cruz ---

A possibilidade da Prefeitura de Manaus adotar o novo sistema de mobilidade urbana denominado VLP - Veículo Leve sobre Pneus, será discutida nesta terça-feira (04) em reunião entre o titular da Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU), Pedro Carvalho, e o prefeito Artur Neto (PSDB).

De acordo com o superintendente, até a Comissão de Transportes da Câmara Municipal de Manaus (CMM) já se mostrou interessada em discutir o assunto e encontrou em contato com a SMTU para marcar um audiência entre as partes. Para Carvalho, o VLP é um importante projeto para capital e vai trazer benefícios à população, bem como à qualidade de vida. “É certamente o sistema de transporte de massa mais adequado para Manaus, pela tecnologia inovadora, design que integra a cidade, movido à eletricidade, estar na dimensão humana, não agredir a paisagem urbana e, das novas tecnologias, ele é o mais acessível”, comentou Pedro Carvalho.

Segundo Bernard Ramus, representante da Empresa Translohr NTL no Brasil, responsável pela fabricação do veículo, o VLP é um transporte sobre pneus com tecnologia moderna de última geração. “Ele é guiado por duas roldanas apertadas num trilho central e também é é elétrico,  mas também pode receber um sistema de baterias para circular nas áreas em que os cabos aéreos são indesejáveis”, destacou.

Ramus ressaltou que o VLP é um meio de transporte inovador, ecológico, seguro, confiável e rápido, já testado e aprovado na Europa em cidades como Paris, Clermont Ferrand, Venise, Padou, (França), e ainda Tianjin e Shangai (China) e na América do Sul, em Medelin, na Colômbia.  “Ele leva uma  solução realista para a mobilidade urbana de Manaus e responde plenamente à modernização do transporte coletivo da cidade”, disse.

Entre as vantagens do veículo, segundo Bernard Ramus, estão: a exploração unificada e integrada VLP-Onibus, bilhete único, intermodalidade otimizada, malhagem de toda a cidade, rede de ônibus reestruturada com linhas de abastecimento do VLP, e redução do número de ônibus circulando no centro. “Em Manaus é capital de um Estado símbolo mundial de um compromisso de desenvolvimento sustentável exemplar, por isso esse novo sistema se coloca como o mais adequado”, completou.

Publicidade
Publicidade