Sábado, 25 de Maio de 2019
Manaus

Veículos pesados continuam a circular por avenidas de Manaus mesmo com proibição

Segundo Manaustrans, 6.738 condutores foram autuados por transitar em área de restrição da cidade durante horários proibidos



1.jpg
A restrição de circulação de veículos pesados está em vigor desde 2013 no Centro e desde 2014 em outras avenidas
14/01/2016 às 10:14

O Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização no Trânsito (Manaustrans) implantou, desde 2013, a Zona Máxima de Restrição de Circulação (ZMRC) em dez trechos de ruas no Centro, além das avenidas Constantino Nery, Djalma Batista, Mário Ipiranga Monteiro e Umberto Calderaro.

Entretanto, muitos motoristas de caminhões e carretas ainda circulam em horários proibidos nessas vias. De acordo o Manaustrans, de janeiro a 30 de novembro do ano passado, 6.738 condutores foram autuados por transitar em área de restrição. Segundo o órgão, a fiscalização é realizada diariamente.

Na avenida Djalma Batista, a restrição para a circulação de veículos pesados é das 6h às 9h e das 16h às 20h, permitida a circulação de veículos com até 8 toneladas de Peso Bruto Total (PBT). Para circulação de veículos de até 16 toneladas de PBT o horário será de 9h às 16h. E na Av. Constantino Ner, a circulação de veículos para até 8 toneladas é permitidas das 6h às 9h e das 17h às 20h. O horário das 9h às 17 fica permitida a circulação de veículos de até 16 toneladas. 

O órgão também sinalizou os corredores de tráfego utilizados diariamente por veículos pesados, como as avenidas Efigênio Sales e Rodrigo Otávio, para indicar que caminhões e carretas devem circular pelo lado direito da via, conforme determina o Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Segundo o Manaustrans, estudos vêm sendo realizados para verificar a possibilidade de ampliar a restrição de circulação em outras vias.  

De acordo com o CTB, transitar em veículos com dimensões ou cargas superiores aos limites estabelecidos legalmente ou pela sinalização é infração grave, equivalente a cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), com multa no valor de R$ 127,69 e retenção do veículo. O caminhão que transitar em locais e horários não permitidos pela regulamentação será autuado em infração média, multa de R$ 85,13 e mais quatro pontos da Carteira de Habilitação.

Informativos

Antes de implantar as restrições, foram realizadas ampla campanha de divulgação, com distribuição de folhetos informativos e trabalho com educadores do Manaustrans para avisar aos motoristas sobre o horário de circulação e da carga/descarga.

Restrição

Avenida Umberto Calderaro: até 8 toneladas a circulação é livre. Veículos de 8 até 16 toneladas são proibidos de circular de 17h às 20h. Acima de 16 toneladas a proibição de circulação é entre 6h às 20h.

Av. Mario Ypiranga: até 8 toneladas a circulação é também livre. Veículos de 8 até 16 toneladas são proibidos de circular de 6h às 9h da manhã. Os veículos acima de 16 toneladas são proibidos de circular das 6h às 20h.

Avenida Maceió: até 16 toneladas a circulação é livre. Veículos acima de 16 toneladas a proibição vai de 6h às 20h.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.