Sábado, 15 de Maio de 2021
Ajuda humanitária

Venezuelanos atingidos por enxurrada são transferidos para Vila Olímpica

De acordo com a titular da Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas), Alessandra Campêlo, os venezuelanos irão ficar na Vila Olímpica, até que possam ser transferidos para outros estados, enquanto isso, as pessoas podem ir até o local para fazer doações de roupas



182132957_10225994100463622_4827874239142212453_n_EF75C298-DA3A-4140-B01C-010CD895A1EE.jpg Foto: Mauro Neto/FAAR
03/05/2021 às 21:51

Os atingidos pela enxurrada no posto de triagem da Operação Acolhida, na Avenida Torquato Tapajós, nesta segunda-feira (03/05), foram abrigados na Vila Olímpica, no bairro Dom Pedro, Zona Centro-Oeste de Manaus. Cerca de 90 pessoas ficarão alojados no local nos próximos 10 dias.

De acordo com a titular da Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas), Alessandra Campêlo, os venezuelanos irão ficar na Vila Olímpica, até que possam ser transferidos para outros estados, enquanto isso, as pessoas podem ir até o local para fazer doações de roupas.

“Aqui eles estão recebendo um local para dormir, tomar banho e fazer as refeições durante os próximos 10 dias. Providenciamos roupas de cama e banho, mas algumas dessas pessoas perderam tudo o que tinham, então quem quiser fazer doações de roupas e sapatos, em bom estado de conservação ou novos, se for o caso, podem deixar no alojamento de atletas, da Vila Olímpica” informou Campêlo.

O diretor-presidente da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (FAAR), Jorge Oliveira, informou que assim que foram avisados sobre a necessidade do uso do alojamento para abrigo dos venezuelanos, o local foi cedido imediatamente.

“Por conta da pandemia só temos dois atletas no alojamento, eles são do interior. Aqui também temos um refeitório, para atender os irmãos venezuelanos da melhor forma”, explicou o diretor-presidente.

Sobre a enxurrada:

Na manhã desta segunda-feira, 3, a chuva causou uma enxurrada, que resultou no desabamento de um muro na tenda do Posto de Interiorização e Triagem de Manaus (Pitrig).

De acordo com a Defesa Civil, oito pessoas ficaram feridas e foram encaminhadas para hospitais e pronto-socorros de Manaus. Entre eles, uma grávida que foi para o Institudo da Mulher D. lindu e um bebê para o Joãozinho.



Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.