Sábado, 07 de Dezembro de 2019
NO COMANDO

Vicente Nogueira é o novo secretário de Educação do Amazonas

O professor Vicente Nogueira já foi titular da Seduc e da Semed nas gestões, respectivamente, de Eduardo Braga e Amazonino Mendes



vicente_A5F37636-3DFA-4300-A043-9800C09750AB.JPG Foto: Reprodução/Internet
02/09/2019 às 10:30

O governador Wilson Lima anunciou nesta segunda-feira (02) o professor Vicente Nogueira como o novo titular da Secretaria de Educação do Estado do Amazonas (Seduc). A divulgação ocorreu em coletiva de imprensa após a abertura da Semana da Pátria e do Amazonas, na Ponta Negra, na Zona Oeste de Manaus.

“Vicente Nogueira é alguém qualificado para a função, alguém em quem eu confio, é uma pessoa experimentada, que tem um diálogo muito próximo com os autores da educação, alguém que já foi secretário do município, secretário de estado. É alguém muito preparado para tocar esta missão, para que possamos ordenar algumas coisas na secretaria. [...] Para que possamos tomar algumas decisões e definições como o problema no transporte escolar”, disse o governador.



Presente no evento, o novo titular da Seduc destacou que se sentiu honrado e muito alegre com o convite. Destacou também que inicia suas atividades na próxima segunda-feira (09) porque precisa resolver assuntos familiares. Sobre o problema no transporte escolar, ele afirmou que o tema terá atenção plena na sua gestão, mas, por enquanto, não pode apontar soluções específicas por não ter iniciado efetivamente os trabalhos.

Vicente Nogueira foi secretário da Seduc durante o governo de Eduardo Braga. Ficou à frente também da Secretaria Municipal de Educação (Semed) na gestão de Amazonino Mendes. E foi reitor do Centro Universitário do Norte (Uninorte).  

Após a saída de Luiz Castro, na última quarta-feira (28), o secretário executivo da pasta, Luís Fabian, ficou no comando até o governador escolher o novo titular da Seduc. Nos bastidores, os nomes de Vicente Nogueira e de Luís Fabian eram cotados para assumir a vaga.

Luiz Castro optou por deixar a pasta para que órgãos competentes e o Ministério Público de Contas (MPC) investiguem denúncias de desvios de finalidade em licitações da pasta.

O ex-deputado estadual destacou que durante todos os meses que esteve à frente da Seduc foi alvo de calúnias e difamações por parte de blogs e portais de notícias. Ele acredita que se tornou “alvo” por ser o único secretário da gestão de Wilson Lima que tem uma carreira política.

News rafael seixas f19bfc74 2a6d 4824 91e0 ea63ab017774
Editor do Portal A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.