Segunda-feira, 25 de Janeiro de 2021
PEDIDO ESPECIAL

Wilson Lima faz apelo a Pazuello para que AM receba maior quantidade de vacinas

Pedido do governador leva em conta o fato de que o Estado vive situação mais caótica do Brasil, sem vagas em hospitais e com crise no abastecimento de oxigênio



64a13e05-feab-43b7-bc56-a64d5e3fde78_BAC7E814-0529-485D-BE7E-84E044AD74B0.jpg Foto: Junio Matos
11/01/2021 às 11:00

Depois do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmar que todos os Estados do País irão receber a vacina ao mesmo tempo, o governador Wilson Lima pediu para que, pelo menos, o Amazonas possa receber uma quantidade maior de vacinas.

O Estado é, hoje, o que vive a situação mais caótica do Brasil. Sem vagas em hospitais e com crise no abastecimento de oxigênio, o Amazonas tem números que superam inclusive o primeiro auge da pandemia, em abril e maio. Mesmo neste cenário, não houve, do Governo Federal, aceno para uma prioridade ao Amazonas.



"Entendo sua preocupação com o Brasil como um todo, mas faço um apelo ao senhor e a sua equipe para que o Estado do Amazonas, nesse momento, possa ter uma prioridade no sentido de receber a maior quantidade possível de doses, para que a gente possa vacinar as pessoas em condições de vulnerabilidade,  indígenas, profissionais de saúde, idosos do interior e comunidades distantes", disse Wilson Lima, acrescentando que tal atitude é "decisiva para que possamos preservar a vida dessas pessoas".

Antes das falas de Wilson e Pazuello, o prefeito de Manaus, David Almeida, também pediu que a cidade de Manaus recebesse uma atenção especial do Ministério em relação às vacinas.

News whatsapp image 2019 06 22 at 17.28.20 a187bead 9f3c 42a6 86d0 61eb3f792e97
Jornalista de A CRÍTICA
Jornalista de A CRÍTICA

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.