Domingo, 19 de Janeiro de 2020
HOJE À TARDE

Jovens empreendedores realizam ação social ao Prosamim neste sábado (13)

Jovens participam de ações de lazer, diversão e conscientização ambiental em residencial Manaus, no Centro



X.jpg Uma das primeiras ações desenvolvidas pelo X-Lab Manaus foi no passeio da praia do Amarelinho, em Educandos (divulgação)
13/05/2017 às 05:00

Jovens empreendedores sociais realizam, na tarde deste sábado (13), mais uma programação social conhecida como “Puxirum”, quando  levam um mutirão de atividades de lazer, diversão e conscientização ambiental para uma comunidade. Desta vez a ação será realizada no parque residencial Manaus, localizado na rua Ipixuna, Centro. 

Conforme o empreendedor social Ítalo Mamud Micheles, 24, a ação social é promovida pelos membros do movimento X-LAB Manaus. O X-LAB é um “game” social  existente em vários estado do País, como também em outros países do mundo. No caso de Manaus, o movimento existe desde dezembro de 2015. Atualmente o movimento consta de 35 participantes entre 16 a 30 anos. 



O jogo  desafia os jovens a vivenciarem um laboratório social numa comunidade. A cada missão eles precisam atingir o objetivo final da fase e dessa vez a ação é eles serem o protagonista da transformação da vida social dos moradores do Parque Residencial Manaus. “O objetivo, desta ação é além de oferecer atividades de lazer, diversão e conscientização ambiental, mostrar à comunidade o que ela tem de bom e que, unida, pode fazer muitas coisas em benefício de todos”, explicou Micheles.

Conforme o empreendedor social, a ação inicia às 15h de e terá uma programação bem diversificada, desde distribuição e trocas de livros, plantação e distribuição de mudas como também a contribuição para as pessoas empreendedoras da comunidade. “Nossa ideia é fomentar a economia local e por isso iremos orientar aqueles que são microempreendedores, vendem lanche, roupas, acessórios e demais produtos”, explicou. 

Um grupo de universitário de arquitetura ficou responsável em fazer a revitalização da praça do Parque Residencial. De acordo com Micheles, mesmo a ação fazendo parte do jogo, qualquer pessoa pode ajudar o movimento ou com doações ou até mesmo na mão de obra das atividades. “Estamos de braços abertos para qualquer ajuda, quem quiser fazer parte deste momento é só nos encontrar no residencial. Estamos aceitando doações de livros, roupas e qualquer tipo de colaboração”, reforçou.

Nesta edição, o movimento também irá plantar algumas mudas dentro do residencial. Com o apoio do Greenpeace, os moradores do local serão orientados a como prosseguir com os cuidados com estas mudas.

Missões com prazos determinados 

Os jovens empreendedores  participantes do X-LAB recebem missões com um prazo  para concluir cada fase do jogo. Cada término de missão eles recebem uma pontuação para melhorar o reconhecimento no movimento. Quem tiver mais interesse, pode procurar a página do grupo no Facebook, que se encontra como X-LAB Manaus. Mas, se deseja participar como integrante do movimento pode falar diretamente com o empreendedor social Ítalo Mamud Micheles por meio do (92)99256-2767.

O movimento também pede ajuda com doações de materiais para realizar as ações. Eles sempre recebem doações de livros, roupas e outros meios de ajuda social. No Amazonas o X-LAB existe tanto em Manaus como também em Maués (a 268 quilômetros da capital).
 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.