Publicidade
Parintins 2017
Parintins

Festival de Parintins terá 3ª noite valendo menos: parte dos itens não será julgada

Somente a 1ª e a 2ª noites serão avaliadas por completo, com pontuação a todos os itens. Também houve mudanças no julgamento: todos os jurados serão de um único estado 16/06/2016 às 22:13 - Atualizado em 16/06/2016 às 22:26
Show bois
Foto: Divulgação
Vinicius Leal Manaus (AM)

A dúvida sobre a validade da 3ª noite do 51º Festival Folclórico de Parintins foi solucionada na noite desta quinta-feira (16) após uma reunião, em Manaus, entre o Governo do Estado, a Prefeitura de Parintins e as associações folclóricas Boi-Bumbá Caprichoso e Boi-Bumbá Garantido.

A 3ª noite, que acontecerá no domingo (26), vai valer pontos, mas parcialmente. Segundo a presidente da comissão organizadora do festival, Sinatra Santos, a última noite do evento não será avaliada por completo, ou seja, nem todos os itens serão pontuados. “Haverá (somente) disputa oficial (dos itens) do bloco A, a maioria é do bloco A”, disse.

Serão julgados na 3ª noite os itens Apresentador (item 1), Levantador de Toadas (item 2), Batucada ou Marujada (item 3), Amo do Boi (item 6), Boi-Bumbá Evolução (item 10), Toada – Letra e Música (item 11) e Galera (item 19).

De acordo com Sinatra, a decisão sobre a necessidade da última e 3ª noite valer, mesmo que parcialmente, se deu pela segurança do evento. “Para que o evento tenha a formalidade e a segurança que sempre teve, para não se tornar vulnerável. Haja vista que algumas vezes há a impugnação (cancelamento) da última noite, a segurança solicitou que tivesse a terceira noite”, disse.

Jurados

O sorteio para definição dos estados de origem dos 10 jurados acontecerá no próximo sábado, em Manaus, em local a ser definido. Porém, uma mudança no processo de julgamento também foi anunciada – com objetivo de diminuir gastos: todos os jurados serão de um único estado brasileiro.

Segundo Sinatra Santos, dos 9 estados sorteados, cada associação folclórica (Caprichoso e Garantido) terá direito a vetar quatro deles e, no final, sobrará apenas um estado de origem. A decisão se deu para baratear o custos de passagens, que serão pagas pelo patrocinador Azul Linhas Aéreas no trecho estado de origem > Amazonas, e pela Prefeitura de Parintins no trecho Manaus > Ilha Tupinambarana.

Guindastes

Outra alteração decidida para o festival deste ano é a proibição do uso de guindastes. Caso seja utilizado guindaste, ou caminhão munck, para aparição de alegorias ou pessoas, será implicado automaticamente a perda de 10 pontos para associação folclórica. Só será permitido guindastes na montagem de alegorias.

Publicidade
Publicidade