Publicidade
Parintins 2017
ainda dá tempo

Procura de barcos com destino a Parintins aumenta em Manaus

As embarcações que seguem para a ilha organizam a acomodação dos brincantes ao som das tradicionais toadas dos bois Garantido e Caprichoso 22/06/2016 às 09:29 - Atualizado em 22/06/2016 às 15:13
Show barcos
Ontem, a passagem de ida para Parintins em algumas embarcações estava custando R$ 80, mas hoje terá um aumento (Clóvis Miranda)
Isabelle Valois Manaus (AM)

E o porto de Manaus entrou no ritmo do Festival Folclórico de Parintins. As embarcações que seguem para a ilha, desde ontem estavam organizando a acomodação dos brincantes ao som das tradicionais toadas dos bois Garantido e Caprichoso.

Conforme um dos proprietários das embarcações, Júnior Paiva, esta é uma forma de chamar a atenção dos brincantes, principalmente aqueles que ainda não decidiram se irão ou não para o Festival de Parintins. “Para ajudar a turma que ainda deseja ir para Parintins, estamos até realizando promoções”, disse Paiva.

No caso da embarcação de Paiva, ela tem destino final em Óbidos (PA), mas pra quem deseja ir para a ilha do boi-bumbá, a embarcação passará em frente e deixará os brincantes. Ontem a passagem de ida estava custando R$ 80, mas hoje terá um aumento de R$ 10 totalizando um valor de R$ 90 com a alimentação inclusa.

O paulista Antônio Padilha Júnior, 39, juntamente com mais três amigos, dois de Manaus e um de São Paulo, resolveram seguir para Parintins no início da tarde de ontem. “Minha família é amazonense. Não nasci aqui, mas me encantei pelo festa e há mais de 10 anos participo do festival. Desta vez estou levando meu amigo, e tenho certeza que ele também irá se encantar com o ritmo e com toda a história que é contada pelos dois bois”, detalhou Padilha.

Pacotes

O presidente da Associação das Agências de Passagens de Transporte Aquaviário do Amazonas, Altair Ribeiro, informou que para ajudar a população que ainda está indecisa se irá ou não para o festival, a embarcação Rondônia está com 200 pacotes no valor de R$ 160. Antes a passagem estavam sendo vendida no valor de R$ 250 e teve essa redução. “Isso é uma forma de facilitar. Mas, vale lembrar que é R$ 160 ida e volta, mas não está incluso a alimentação, porém os brincantes podem se hospedar no barco”, disse.

Mais de 138 embarcações agendadas

A Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental (CFAOC) informou que de um total de 138 embarcações agendadas para passar por uma vistoria, 94 foram aprovadas pela CFAOC para receber o passe e seguir em destino à Parintins. Quando as embarcações possuem algum tipo de restrição em sua vistoria, os proprietários são orientados a sanarem suas pendências e quando prontas, uma nova vistoria é realizada.

A Marinha do Brasil estabeleceu postos de fiscalização em Manaus, em Itacoatiara e outro em Parintins, pontos estratégicos que visam coibir embarcações irregulares com destino ao município de Parintins.

Todas embarcações que estiverem transportando passageiros e de esporte/recreio serão abordadas ao longo do Rio Amazonas no trecho Manaus-Parintins.

Venda de passagens

O vendedor de passagens, Gilson Alves, 53, contou que até o momento a venda de passagens está balanceada em comparação ao ano de 2015, quando foram vendidas mais de 8 mil passagens. A espera é que nos próximos dias, com a proximidade do Festival, as vendas tenham um aumento e que os preços das passagem diminua.

Publicidade
Publicidade