Publicidade
Parintins
SPOILER

Boi no guindaste, sinhazinha e marujada: a gente 'colou' no ensaio técnico do Caprichoso

Em mais uma noite na Arena, tivemos a missão de ir no meio da galera e descobrir como vai ser o "Pixoso" no festival. A promessa é grande, assim como o espetáculo da noite desta quarta 28/06/2018 às 18:35
Show sem t tulo
Felipe Gramajo e Isabella Pina Parintins (AM)

Eis que eu e Felipe nos vestimos apropriadamente para uma noite de Caprichoso. Rumamos ao Bumbódromo, de preto e azul, com a certeza de que ali assistiríamos à mesma história que conhecemos na noite anterior. Eis que eu e Felipe ainda temos uma longa jornada para conhecer a cultura do Boi Bumbá.

Na noite desta quarta-feira, sob os embalos da marujada, o Pixoso fez seu ensaio técnico. Começou com o apresentador, Edmundo Oran, que entrou na Arena, simplesmente, erguido por um guindaste. Quê?! Aparentemente, pela reação da torcida, isso não é incomum. Vibramos.

David Assayag entrou como segundo item a aparecer, seguido pela Cunhã-Poranga, que fez uma baita apresentação curiosa num “feat” com um indígena. As tribos acompanharam com coreografias absurdamente bem ensaiadas.

E aí, amigos, o guindaste voltou. Com o Boi. COM O BOI. Sob a toada do “É boi-bumbá... É boi” Depois eu dei um Google, e... Amigos... Ouçam "Festança Multicultural". Foi a que, sem dúvidas, mais empolgou e emocionou, no começo. Levaram o Touro Negro até a galera, que foi à loucura. A gente também. 

PS: já que demos dica de toadas, ouçam "Sou a Galera". Passo o dia cantando no ouvido do Felipe. Ainda bem que ele escolheu o lado azul da força.

Voltando. Sabedoria Popular: Revolução Ancestral é a temática do boi desse ano e, só de dentro da arena, de cara para a evolução dos itens, que a gente começou a entender um pouco do significado. Vai muito além de uma história. Não é linear. E isso é incrível.

O Felipe ficou nervoso. A cultura popular tem nos dado umas belas lições nesses ensaios. Dessa vez, a impressão, é de que o Caprichoso entrou com uma pegada cênica muito mais técnica. Fora isso, caso ainda não tenha comentado, o que é essa marujada?!

O ensaio começou pelas 22h30 e em menos de uma hora todo o Bumbódromo estava tomado pela torcida. Aliás, eles têm animadores (é esse o nome?). Dá pra ir tranquilamente igual nós dois, bem perdidos, e não passar vergonha sem saber a coreografia. 

Quem mais ficou em cena na noite - será? A gente perde um pouco a noção do tempo dentro da arena - foi a Sinhazinha. Opinião dos dois “gringos”: a coisa mais fofa que existe é o Boi Caprichoso mexendo as orelhinhas quando recebe uns beijinhos da filha do Amo. 

E assim a gente foi, noite à fora, mais uma vez, poupando vocês de spoiler, acompanhando item por item. A festa promete ser bonita do lado azul. 

Publicidade
Publicidade