Sábado, 08 de Agosto de 2020
PRESTÍGIO

'Filhas do CDC', itens do Caprichoso driblam cansaço na 'Noite das Estrelas'

Cleise Simas e Marciele Albuquerque saíram do grupo de dança para postos oficiais do bumbá e neste sábado prestigiaram o aniversário de 11 anos do CDC



IMG_3967_B2CC3823-EFEF-47D2-AEC0-B935C25747A4.JPG (Foto: Raine Luiz)
23/06/2019 às 11:07

Viver um sonho de vida sem esquecer onde tudo começou é uma virtude vivida pelas itens oficiais do Boi-Bumbá Caprichoso Marciele Albuquerque e Cleise Simas. “Filhas” do Corpo de Dança Caprichoso, elas prestigiaram a ‘Noite das Estrelas’ - festa de aniversário de onze anos do grupo, realizada neste sábado no Curral Zeca Xibelão.

Em um ritmo intenso de ensaios e de preparação para as três noites do Festival Folclórico de Parintins, a cunhã-poranga Marciele e a Rainha do Folclore Cleise venceram o cansaço para prestigiar os trabalhos do grupo. “O CDC foi a minha família, foi onde eu comecei. Estamos bem cansadas, são muitos ensaios nessa reta final, mas eu não poderia deixar de vir aqui prestigiar o grupo que é tão importante”, afirmou Cleise, que este ano estreia como item no Festival Folclórico de Parintins.



O mesmo tom foi dado pela cunhã-poranga Marciele Albuquerque, que há três anos saiu do CDC para assumir o disputado posto de índia mais bela da tribo do Caprichoso. “Para mim é uma grande honra ter feito parte do CDC. Sinto orgulho das minhas raízes e por isso fiz questão de estar aqui. Venci as dores e o cansaço para estar aqui nessa festa porque valorizo cada etapa, tudo que eu passei para chegar onde eu estou”, destacou Marciele.

Entre os itens oficiais que prestigiaram a ‘Noite das Estrelas’, estiveram também o Amo do Boi, Prince do Boi, e o pajé Netto Simões. Ex-itens do Touro Negro, como o histórico pajé Waldir Santana, a ex-Rainha do Folclore Karla Thayná e a ex-Sinhazinha da Fazenda Thainá Valente também deram o ar da graça na festa.

Preparação para o Festival

Depois de fechar as programações de ensaios técnicos abertos ao público, os quais houve todo o cuidado para evitar filmagens que vazassem o planejamento preparado pelo Touro Negro para a Arena, o Caprichoso agora entra na reta final de preparação.

Neste domingo, o tradicional Boi de Rua reúne os principais itens em uma festa que começa na Francesa e termina na Praça dos Bois, em uma caminhada animada marcada por toadas e provocações. Nesta segunda-feira, o bumbá faz um ensaio técnico fechado no Bumbódromo, sem presença de público. Na terça, o Curral Zeca Xibelão abre as portas para a Festa dos Visitantes, enquanto na quarta-feira o bumbá faz uma passagem de som aberta para o grande público,novamente no Bumbódromo. “Fizemos ensaios muito pra cima, galera contagiante pra gente e estamos vivendo só a expectativa pelo dia. Vai chegando mais perto e vai aumentando a ansiedade. A gente anda muito cansada, mas chega de madrugada a gente fica olhando pro teto mas não tem como dormir. Deixa para o dia 1o, depois que comemorar a vitória”, afirmou Cleise Simas, confiante no tricampeonato.


 

News whatsapp image 2019 06 22 at 17.28.20 a187bead 9f3c 42a6 86d0 61eb3f792e97
Jornalista de A CRÍTICA

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.