Sábado, 08 de Maio de 2021
Preso em Santarém

‘Jericó’ é preso em Santarém suspeito de matar homem no Centro de Manaus

Ele se entregou à polícia em uma delegacia na cidade paraense



0963486c-4b76-4b9e-b0ba-f34e82fbcc02_468E3A1F-8F7A-47A3-B54F-9BFB24AD2CB2.jpg Foto: Junio Matos
23/03/2021 às 12:22

Um homem de 20 anos conhecido como “Jericó” foi preso suspeito de assassinar Juvenal Silveira Sobrinho, de 33 anos. A prisão ocorreu na cidade de Santarém, no Pará, na segunda-feira (22).

O crime ocorreu no dia 23 de janeiro deste ano, em um hotel situado na rua Lima Bacuri, no bairro Centro, na Zona Sul.



De acordo com o delegado Charles Araújo, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), no dia do crime, uma camareira do hotel encontrou sangue saindo do quarto. Ao entrar no cômodo, ela se deparou com o corpo de Juvenal.

“A vítima foi atingida com golpes de arma branca. Fizemos buscas na cidade. Depois que ele percebeu que a polícia estava próxima de prendê-lo, fugiu para o estado do Pará”, disse o delegado.

“Jericó” se entregou à polícia em uma delegacia do Pará. As investigações apontam que houve premeditação no homicídio, segundo Araújo.

A principal vertente das investigações, até o momento, é que a motivação do crime tenha sido a de latrocínio, ou seja, roubo seguido de morte. O suspeito nega que tenha roubado pertences da vítima e afirma que houve um desentendimento entre os dois, ainda conforme o delegado.

As investigações apontam que agressor e vítima possuíam um relacionamento esporádico, segundo Araújo, que não especificou a natureza da relação.

Conforme o delegado, o suspeito não possui documentos de identificação e teve de realizar um procedimento chamado identificação criminal, no prédio da Delegacia Geral de Polícia Civil.

“Jericó” responderá por homicídio e será levado à Central de Recebimento e Triagem (CRT).


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.