Quinta-feira, 14 de Novembro de 2019
Recorde

Brasil está perto de confirmar sua melhor participação em olimpíadas

Atualmente o País está na 15ª posição. Nesse quesito, a melhor campanha já registrada foi o 16° lugar nos Jogos de Atenas



dss.jpg O País já conquistou 18 medalhas, considerando que tem mais dois pódios garantidos por estar nas finais do vôlei e futebol masculinos (Foto: Agência Brasil)
20/08/2016 às 14:00

Não só um recorde individual foi garantido com a medalha de prata obtida neste sábado (20) pela dupla de canoistas formada pelos baianos Isaquias Queiroz e Erlon Silva. Além de Isaquias ser o primeiro brasileiro a conquistar três medalhas olímpicas em uma mesma edição dos jogos, o país garantiu, pela primeira vez, a conquista de 18 medalhas em uma olimpíada, considerando que tem mais dois pódios garantidos por estar nas finais do vôlei e futebol masculinos.

Com isso, o Brasil terá pelo menos uma medalha a mais do que o recorde anterior, de 17, nos Jogos Olímpicos de Londres em 2012. Outro recorde que poderá ser batido é o de medalhas de ouro, caso o país conquiste pelo menos uma nas duas finais de que participará. Se isso acontecer, o país superará as cinco medalhas que obteve na Olimpíada de Atenas, em 2004.



Além disso, caso mantenha ou melhore a posição no quadro de medalhas, o Brasil tem ainda a possibilidade de registrar a melhor campanha de sua história nesse ranqueamento. Atualmente ele está na 15ª posição. Nesse quesito, a melhor campanha já registrada foi o 16° lugar nos Jogos de Atenas.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.