Segunda-feira, 14 de Outubro de 2019
Procurando Patrícia

Taxistas do Rio de Janeiro tentam devolver mala esquecida por turista

Sem contato e, sequer, sobrenome da dona da mala, os motoristas tentam achar uma forma de localizar Patrícia



IMG_1176.JPG Taxistas acreditam que Patrícia veio para o Rio de Janeiro de ônibus, devido ao adesivo com seu nome. (Foto: Valter Cardoso)
06/08/2016 às 16:12

Uma mala azul com um adesivo escrito “Patrícia”. Com esta bagagem no porta-malas, taxistas do Rio de Janeiro tentam encontrar a dona em meio a uma infinidade de turistas na Cidade Maravilhosa.

“O rapaz da parte da noite pegou uma menina chamada Patrícia, na Lapa, ela veio em direção a Copacabana, ficou em frente a um restaurante e deixou uma mala azul no porta-malas do carro e nós estamos querendo entregar” explicou Marcelo Carvalho, taxista.

Durante o percurso que fez de taxi, Patrícia inclusive chegou a informar que já havia sido roubada e ficou sem o celular enquanto estava no Rio de Janeiro. Agora, em meio às corridas, os taxistas que dividem o veículo buscam informações com os próprios passageiros sobre como achar a dona da mala.

“Nós só queremos entregar porque não tem nada a ver ficar com o pertence pessoal da pessoa” definiu Marcelo, que também deixou um recado direto à Patrícia. “Tomara que você nos encontre, porque nós vamos tentar te encontrar” garantiu o taxista.

Em meio a escândalos de corrupção no país e todas as discussões morais sobre a vinda das Olimpíadas para país, o brasileiro vai mostrando que os grandes exemplos não acontecem somente dentro das pistas de competição.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.