Garimpo ilegal

PF deflagra operação contra garimpo ilegal em Jutaí

Segundo as primeiras informações, o prefeito do município, Pedro Macario seria um dos alvos da operação

Joana Queiroz
20/07/2022 às 10:02.
Atualizado em 20/07/2022 às 10:02

(Foto: Reprodução)

A Polícia Federal do Amazonas deflagrou na manhã desta quarta-feira (20), a operação Uiara III, com objetivo de fazer a retirada de garimpeiros que fazem a extração ilegal de ouro no leito do rio Juruá, em Jutaí. Segundo informações preliminares, o prefeito do município, Pedro Macario, seria um dos alvos da operação.

De acordo com nota expedida pela PF, a operação Uiara III é resultado de um trabalho de investigação que visa desarticular uma organização criminosa voltada para o garimpo ilegal e outras atividades conexas como corrupção ativa e passiva, crimes ambientais e possíveis outros ocorridos na cidade de Jutaí. As penas somadas podem ultrapassar a 20 anos de reclusão.

Na operação de hoje foram cumpridas dez mandados de busca e apreensão e dez medidas cautelares, dentre elas as de afastamento e cargos e funções públicas e de acesso à prefeitura do município, além da cassação de garimpo de minérios ilegal.
A ópera contou com a participação de policiais federais do Amazonas e de policiais do Centro de Operações Táticas (COT) de Brasília. A polícia Federal não informou se aconteceram prisões e nem o que foi apreendido, mas balsas estão sendo destruídas.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
Portal A Crítica - Empresa de Jornais Calderaro LTDA.© Copyright 2022Todos direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por