Sim&Não

Vice só em agosto, diz Wilson Lima

Redação Sim&Não
online@acritica.com
18/03/2022 às 05:59.
Atualizado em 18/03/2022 às 00:04

O governador Wilson Lima quer deixar para a última hora a definição do nome do seu novo companheiro ou companheira de chapa na campanha pela reeleição. Questionado pela coluna sobre o assunto ontem após a abertura do GCF Task Force, Wilson disse que isso só será definido em agosto, mês em que encerram os prazos para a realização das convenções partidárias (dia 5) e registro de candidatos (dia 15). Ele e o atual vice, Carlos Almeida, estão rompidos desde 2020 e estarão em lados opostos.      

Indicador Aliado do governador, o prefeito David Almeida (Avante) já externou publicamente que a condição para apoiá-lo nas eleições é poder indicar o vice. Para isso, tem trabalhado a imagem do secretário Sabá Reis (Semulsp).

Sinais No radar para ocupar o posto, além do Avante, também está o Republicanos, hoje comandado no Amazonas pelo deputado Silas Câmara. Na terça-feira, Wilson Lima esteve em Brasília reunido com o presidente nacional da sigla, o deputado Marcos Pereira (SP). 

Novo abrigo A confirmação da filiação de Wiker Barreto no Cidadania põe o partido como  alternativa de abrigo eleitoral para Amazonino Mendes. Eles são próximos e disputaram a Prefeitura de Manaus em 2020 pelo Podemos, com Wilker como candidato a vice.   

1/2 termo O Cidadania deve participar de federação com o PSDB, para onde Amazonino migraria antes do levante de Plínio Valério. Filiar o ‘Negão’ no Cidadania seria   uma solução ‘honrosa’  para o impasse, porque  atenderia  à recusa de Plínio em tê-lo   como candidato pelo ninho tucano. De outro lado, a federação garantiria que o ex-governador seja candidato aliado ao PSDB, como quer Arthur Neto, que disputará o Senado. Nesse caso, Plínio não seria candidato a governador.     

Projeção O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, disse ontem à coluna que, neste ano, o partido projeta eleger 35 deputados federais. “Foram eleitos 28 em 2018. Agora, vão ser de 35 a 42, sendo de 1 a 2 pelo Amazonas”, projetou.

Estratégias O aumento da bancada seria possível, avalia Lupi, porque a sigla vai ter até 10 candidaturas ao Executivo. “Isso dá visibilidade. Além do Ciro, nós vamos ter de oito a nove candidatos a governador. Isso já impulsiona o voto na legenda, no 12. Fora isso, as nominatas vão ter nomes muito bons, competitivos  e jovens, que vão agregar muito”, disse.

Ausência Presidente do PSB no Amazonas, o deputado Serafim Corrêa não deve participar do evento de filiação do ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin no PSB, marcado para acontecer na próxima quarta-feira em Brasília. “Estou muito gripado. Não devo ir”, disse. Ex-tucano, Alckmin vai disputar a presidência como vice de Lula (PT).

Homenagem Ontem, o desembargador aposentado Alcemir Pessoa Figlioulo recebeu da Assembleia Legislativa do Amazonas a Medalha Ruy Araújo. Os deputados Ângelus Figueira (DC) e Therezinha Ruiz (PSDB) propuseram a honraria. “Eu dedico essa homenagem aos meus pais, que desde cedo me ensinaram o valor do trabalho”, disse o desembargado. 

Erramos A manchete de ontem do jornal impresso dizia, de forma equivocada, que a arrecadação anual com créditos de carbono seria equivalente ao que é arrecadado pelo Polo Industrial de Manaus em um ano. Na verdade, o faturamento do PIM é na casa dos bilhões de reais.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
Portal A Crítica© Copyright 2022Todos direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por