Segunda-feira, 25 de Maio de 2020
Sim & Não

A hora é de radicalizar nas medidas


share_big_1592963_104784E5-028C-42D1-94F7-CA51E5001AF2.jpg
05/04/2020 às 01:21

Com Manaus incluída pelo Ministério da Saúde no grupo de cidades que preocupam pela possiblilidade de ter uma ascendência rápida na curva de casos de infecção por coronavírus, é chegada a hora de radicalizar nas medidas que evitam a circulação e aglomeração de pessoas. O Governo do Estado tem tomado as medidas necessárias, mas a população parece não ter se convencido ainda da necessidade delas, o que faz a coação se tornar imperiosa.

Força   Parece lógico que, neste momento, o Estado imponha maior força em coibir comércios não esssenciais que insistem em abrir, grupos de pessoas que insistem em se aglomerar, e até mesmo a livre circulação dos cidadãos. Neste caso específico, não se trata de violência contra os direitos fundamentais, mas uma questão de saúde pública. 

Cumpra-se   O que se tem visto nos últimos dias é uma volta gradual à normalidade, com mais pessoas nas ruas e uma mudança sentida até mesmo no trânsito, com uma maior circulação de veículos. É preciso fazer cumprir as leis e decretos já editados pela administração estadual.

Destaque   Na sexta-feira (3), o vice-governador do Amazonas e chefe da Casa Civil, Carlos Almeida, se reuniu com empresários, representantes da indústria e comércio, além de autoridades estaduais de saúde. A notícia que sau da reunião foi boa: um esforço conjunto entre empresas do Polo Industrial de Manaus (PIM) e iniciativa privada está  desenvolvendo  um protótipo de respirador artificial, que está em fase de ajustes para ser testado e entrar em produção.

Setor primário   “Fala Produtor” é o nome do novo canal  de comunicação do Sistema Sepror (Idam, Adaf e ADS) com todos os produtores do setor primário do estado. Via telefone, WhatsApp ou e-mail, nesta época de pandemia provocada pelo Coronavírus (Covid 19, o produtor pode tirar dúvidas e fazer consultas.

Webinar   A Associação dos Advogados (AASP) reúne,  terça-feira (7), às 14h, cinco criminalistas para trazer reflexões sobre as contravenções penais do atual momento e o que esperar no pós-pandemia. A mediação do webinar gratuito será do advogado e ex-presidente da AASP, Leonardo Sica. As vagas são limitadas e as inscrições poder ser realizadas no site www.aasp.org.br.

Testes   A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou uma resolução para autorizar os Laboratórios Federais de Defesa Agropecuária (LFDAs) a realizarem análises para o diagnóstico da Covid-19. A liberação dos laboratórios pela Anvisa foi anunciada pelo ministro-chefe da Casa Civil, Walter Braga Neto, que coordena o Comitê de Crise para Supervisão e Monitoramento dos Impactos da Covid-19.

Doações   O Sidia Instituto de Ciência e Tecnologia realizou doações de notebooks ao Governo do Amazonas com o objetivo de reforçar as pesquisas de validação da Cloroquina no combate ao novo coronavírus. A pesquisa será comandada pela Fundação de Medicina Tropical, em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde (Susam), Fundação de Vigilância em Saúde (FVS) e Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.