Publicidade
Sim & Não

Amazonino e Arthur Neto já avaliam vice

06/07/2018 às 22:17
Show amazonino e artur

A ação conjunta entre o governo e a Prefeitura de Manaus, anunciada ontem, era a senha que faltava para selar a reaproximação entre o governador Amazonino Mendes (PDT) e o prefeito Arthur Neto (PSDB). Fechada a parceria, ambos já vislumbram uma aliança na eleição deste ano com um possível vice tucano na chapa encabeçada pelo PDT. Amazonino simpatiza com o vice-prefeito Marcos Rotta. O prefeito, porém, banca a  ideia de que Arthur Bisneto é o melhor nome.

Condição   Como publicou a coluna há duas semanas, para se reaproximar do governador, Arthur exigia R$ 100 milhões para obras na capital.

Aceno   Ontem, coincidentemente, um vídeo  veiculado pelo governo no balanço de nove meses de gestão aponta R$ 100 milhões para o asfaltamento de Manaus.

União  Inicialmente, o Estado pretendia, ele próprio, tocar as obras em Manaus. A Seinfra mantém o projeto pronto e aguardava apenas uma ordem para a execução. Ontem,  Amazonino Mendes indicou que fará uma ação conjunta com a Prefeitura de Manaus.

Duelo Em busca de apoio na eleição deste ano, o deputado federal Pauderney Avelino (DEM) disputa com o colega Alfredo Nascimento (PR) o apoio de Arthur na capital. Os dois querem uma vaga no Senado.

Milico  Na última quinta-feira, em evento da Prefeitura de Manaus onde a isenção de IPTU para moradias populares foi anunciada, Pauderney subiu ao palanque montado e encheu a bola do tucano. “Me coloco à tua disposição como um soldado”, disse Pauderney a Arthur. 

Aulão O MDB do Amazonas promove hoje na sede do partido, no bairro Parque 10 de Novembro, um “curso para candidatos” voltado para as regras eleitorais e, especialmente, às regras que dizem respeito a prazos e publicações na Internet.

Destaque 1 De outubro de 2017 até o momento, a Secretaria de Estado de Saúde  repassou aos municípios do interior R$ 56,6 milhões para aplicação no atendimento de média e alta complexidade nos hospitais.

Destaque 2 Os números estão no balanço apresentado pelo secretário de saúde, Francisco Deodato. Quando Deodato assumiu a pasta, em outubro de 2017, os repasses estavam parados. Alguns municípios não recebiam recursos para a saúde há 17 meses.

Ineditismo O Festival de Parintins vai render um produto inédito dentro do âmbito dos órgãos estaduais que atuaram durante o evento na Ilha. Pela primeira vez, o trabalho dos servidores públicos estaduais foi registrado por uma equipe de produção que vai montar um vídeo documentário assinado pela  Sead.

Outro lado 1 A ideia do documentário é mostrar o servidor público estadual muito além das dependências do Bumbódromo, fazendo parte do festival. É também uma forma de mostrar o lado humano da participação do Estado na realização da festa.

Outro lado 2 A equipe registrou desde o embarque dos servidores nos barcos, até o trabalho realizado nas ruas com a população. O documentário deverá ser exibido para todos os gestores das secretarias e órgãos ainda neste mês de julho, bem como a todos os servidores que participaram das ações.