Sábado, 18 de Setembro de 2021
Sim e Não

Arthur exalta Rebeca mas cortou Semjel


show_show_show_arthur_7598DA9F-B049-4B3A-842A-D8462D3BEA4E.jpg
02/08/2021 às 08:06

O ex-prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB) foi criticado nas redes sociais após publicação em que enaltecia a atleta Rebeca Andrade, primeira brasileira com 2 medalhas em uma única edição das Olimpíadas. As críticas negativas lembraram que o tucano cortou o Bolsa Atleta e que também excluiu a secretaria de esportes do município (Semjel) em uma reforma administrativa. “Vai entender o que se passa na cabeça desses políticos malucos”, disse o vice-presidente da Confederação Brasileira  de Wrestling. 

‘Exposed’ - O deputado federal Alberto Neto (Republicanos/AM) enviou um requerimento ao ministro da Economia, Paulo Guedes, sugerindo que seja divulgado, por meio dos veículos de comunicação, a lista de empregadores – pessoas físicas ou jurídicas – autuados em ação fiscal por terem sujeitado trabalhadores a situação análogo à escravidão no país. 

Cejusc... - O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) realizou a cerimônia de instalação do Centro Judiciário de Solução de Conflitos das Varas de Família das Zonas Leste/Zona Norte, que funcionará no Fórum Desembargador Azarias Menescal de Vasconcelos. A cerimônia de inauguração contou também com a presença de representantes do Judiciário, Ministério Público do Amazonas, Defensoria Pública do Estado  e OAB-AM. 

...Famílias - Inicialmente, as novas instalações do Cejusc têm como finalidade criar uma logística mais adequada no trâmite dos processos na 3ª Vara de Família que, em 2019, recebeu cerca de 5.200 processos atribuídos de jurisdicionados da região, trabalhando totalmente com assistência da Defensoria Pública do Amazonas.

Vereador... - O vereador Dione Carvalho (Patriota) alegou que é “pessoa sem poder aquisitivo, desempregado, sofrendo com a pandemia” e “trabalhando na condição de autônomo” para não pagar custas judiciais de um processo que move contra a concessionária Águas de Manaus. A informação foi levantada e publicada pelo site Amazonas Atual.

...alega pobreza - As custas processuais  referente a ação  somam R$ 2.944,02. Embora o processo tenha sido aberto antes de Dione se eleger, a ‘falsa’ declaração de pobreza foi apresentada no mês passado, quando ele já possuia seis meses de mandato.  Ao Amazonas Atual,   Dione alegou que pagou as custas processuais.  Porém, em 13 de julho, o benefício de ‘gratuidade’ foi concedido  ao vereador. 

Desativado? - O Ministério Público do Amazonas está investigando denúncia de suposta desativação do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoas com Deficiência de Manaus (CMDPD/MAO). A investigação é conduzida pelo Promotor de Justiça Vitor Moreira da Fonsêca. "Por diversas vezes, o Ministério Público tentou entrar em contato com o CMDPD/Manaus, mas todas as diligências foram infrutíferas. A denúncia é grave, pois diz respeito a um conselho social que não estaria em pleno funcionamento”,  aponta Vitor.

Validade - Conforme a denúncia, o CMDPD/Manaus teria sido desativado em 2013, em razão da inércia de seus membros, e reativado seis meses depois, por meio do Decreto Municipal nº 4.576, de 13/09/2019. Em dezembro do mesmo ano, houve eleição para composição do colegiado, mas, segundo o denunciante, os conselheiros eleitos não foram nomeados e a composição excepcional estipulada pelo dDecreto teria perdido sua validade em 13 de março do ano passado.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.