Publicidade
Sim & Não

Artur e Melo não se falam há duas semanas

04/06/2016 às 19:13
Show img0017259283

Palacianos do governo tucano afirmam que Artur Neto (PSDB) não fala com o governador José Melo (Pros) há pelo menos duas semanas. Aliados desde 2014, a relação dos dois está em crise após decisões do governo refletirem negativamente nos setores de transporte e saúde da capital. Melo tem evitado demonstrar que a parceria desandou, enquanto Artur não tem medido palavras para expressar o descontentamento com as ações do aliado.

Princípio do fim  

O estopim da insatisfação de Artur com Melo começou com o atraso do governo em repassar sua parte dos subsídios que a prefeitura deve às empresas de transporte público. E se agravou com o fechamento de unidades de saúde do Estado na capital.

Sobrevive  

Pesquisas internas do governo tucano revelam uma insatisfação geral dos eleitores de Manaus com a classe política. Mesmo nesse cenário, aliados do prefeitos atestam que ele ainda leva vantagem quando tem o nome comparado aos concorrentes.

Vendo pra crer  

Prova que o líder do governo na ALE-AM, David Almeida (PSD), teve essa semana de que a crise é séria. Cliente do Hospital Adventista, o deputado esteve na unidade de saúde particular e foi informado de que o local atende hoje 3 mil pacientes. Antes, passavam de 14 mil.

Critérios  

O deputado estadual Dermilson Chagas (PEN) prepara uma proposta para tirar da presidência da Mesa da ALE-AM a prerrogativa de escolher relatores de projetos de lei de autoria do governo. O político se queixa da falta de critérios técnicos na definição dos nomes.

Mi mi mi  

O presidente da ALE-AM, Josué Neto (PSD), diz não ver necessidade de mudança e já estar acostumado com as queixas de Dermilson. De qualquer forma, diz que espera receber a proposta do colega para analisá-la.

Maio apoio 

O vice-presidente da ALE-AM, Belarmino Lins (PMDB), é um dos maiores entusiastas da candidatura de Josué Neto nas eleições de outubro, seja a prefeito, vice ou vereador. Não importa.

Com pressa 

Simpático à ideia de sentar pela 3ª vez na cadeira de presidente, Belão, como Belarmino é conhecido, faz campanha velada para que Josué se afaste do cargo ainda durante a campanha, mesmo não havendo legislação que obrigue o afastamento.

Novos tempos 

Homem que tirou do papel o programa Ronda no Bairro, o coronel Amadeu da Silva Soares ganha os dias, atualmente, em um cargo de 2º escalão da PM, dirigindo a Diretoria de Promoção Social (DPS), prestando assistência social a policiais e familiares.

Pro fim da fila 

Ex-comandante da Rocam, Amadeu deixou o comando do Ronda do Bairro em 2014 para assumir o cargo de secretário estadual de Segurança em Roraima, Estado onde nasceu. Voltou ao Amazonas esse ano.

Seria não 

O senador Eduardo Braga (PMDB) diz que não foi convidado para ser ministro do governo interino de Michel Temer (PMDB), mas, se tivesse ocorrido, seria incoerente aceitar, uma vez que acabara de sair de outro governo.

Foto: Euzivaldo Queiroz