Publicidade
Sim & Não

Artur põe Marcos Rotta na vitrine

22/05/2017 às 22:32 - Atualizado em 22/05/2017 às 22:45
Show sim e n o 0555

Com um claro projeto político para Marcos Rotta em 2018, o prefeito de Manaus Artur Neto (PSDB) decidiu alçar o vice-prefeito ao posto de “estrela” do governo municipal. Ao admitir o estado de abandono das ruas da cidade e declarar “guerra contra os buracos”, Artur entregou a Rotta a Secretaria de Infraestrutura (Seminf), sustentando ver no peemedebista “algo muito parecido com o futuro”.  O tucano já havia dito que Rotta seria um “baita candidato” ao  governo do Amazonas.

Super   Durante o anúncio de seu novo secretariado, ontem, ao exaltar as qualidades de Marcos Rotta, Artur sustentou: “Esse verão será um grande marco. Essa secretaria será a grande estrela (da Prefeitura de Manaus)”.

Resultado  Já Rotta, ao lembrar da eleição passada,  disse que ficou reticente quando precisou abandonar a cabeça de chapa para ser candidato a vice de  Artur. “Pessoalmente, foi a melhor decisão política que tomei na minha vida”, sustentou.

Sem garantia  Sobre a eleição suplementar deste ano para o governo, Artur deixou claro que não tem nada acertado com o PMDB do senador Eduardo Braga. Informou que a decisão do PSDB só será tomada dia 10 de junho e que até lá não fala sobre candidaturas. 


Lógica  Ontem, durante a solenidade de posse da esposa Elisabeth Valeiko como presidente do Fundo Social da Solidariedade (FSS), o prefeito de Manaus soltou: “Você é uma mulher de muito amor, de muita ternura. Haja vista o  bom gosto de ter me escolhido”. Ao responder o que vai fazer na nova função,  Elisabeth afirmou: “Imprimir o sentimento do meu marido em relação à cidade”.

Despedida  Após quatro anos e meio comandando as Finanças do governo municipal, Ulisses Tapajós fez um discurso de exaltação ao staff da Prefeitura, no Palácio Rio Branco. Depois de já ter concluído a fala, ele pegou o microfone de volta e disse: “Esqueci de falar da primeira-dama Elisabeth Valeiko. Desejo sorte”. 

Nas alturas  Levantamento feito por A CRÍTICA sobre os gastos dos deputados federais com o fretamento de aeronaves mostra que os deputados federais Átila Lins (PSD) e Silas Câmara (PRB) lideram as despesas com aeronaves a fim de visitar o interior do Estado. Fazendo uso do “Cotão”, Átila pagou no ano passado R$ 111.675 e  R$ 36.500 este ano. Em 2016 e 2017, só ele contratou a Rico Linhas Aéreas.

Vai e vem   Já Silas Câmara gastou R$ 96.046,18 em 2016 com fretamento de aeronaves. A empresa contratadas na maioria das vezes pelo parlamentar foi a Amazonaves Táxi Aéreo. Em 2017, Silas já utilizou R$ 64.750 do “Cotão” no fretamento de avião.  Entre os senadores, nenhum usou a  verba indenizatória para esse tipo de despesa. 

Preço Questionado por um cidadão no corredor da Câmara Municipal de Manaus sobre seu apoio à eleição direta para o governo, já que o custo seria de R$ 18 milhões, o vereador Chico Preto (PMN) respondeu: “uma eleição indireta pela  Assembleia será mais cara ainda”.

Sombra A Assembleia quer melhorar a arborização no estacionamento da Casa. Para isso, vai plantar 50 novas mudas das espécies Brasileirinho e Pau Pretinho.