Publicidade
Sim & Não

Base aliada à vontade ao lado de Braga

07/03/2018 às 21:05
Show eduard

Uma parte da base aliada do governador Amazonino Mendes (PDT) na Assembleia Legislativa do Estado gazetou a sessão da Casa, ontem, para participar, ao lado do senador Eduardo Braga (MDB), de eventos oficiais no interior do AM. Em um deles estiveram junto com o senador os deputados Dermilson Chagas (PEN), Belarmino Lins (Pros), Adjuto Afonso (PDT), Sidney Leite (Pros) e Alessandra Campelo (MDB). Braga estava em Brasília desde domingo. Retornou ao Estado por causa desses eventos.

Sintonia Além de ter os deputados da base de Amazonino por perto, Braga também contou com a presença de gestores do governo. A presidente do Fundo de Promoção Social (FPS), Mônica Mendes, sobrinha do governador, falou por diversas vezes ao pé do ouvido de Braga.

Porta-voz “Muito feliz por voltar a Lábrea, município querido onde participamos de inaugurações. Mas trouxemos outras boas notícias, uma delas esses recursos para o asfaltamento da cidade”, anunciou Braga, ontem, em suas redes sociais. 

Slogan Mônica Mendes não registrou fotos do evento em Lábrea em suas redes sociais, mas postou imagem aérea do rio Purus, no município, junto a uma frase de otimismo e a hashtag “#todospeloamazonas”.

Consequência Por falta de quórum, a sessão da Assembleia, ontem, teve apenas o pequeno e o grande expediente. A pauta de votações foi cancelada.

Nova direção Com a proposta de “readequar a imagem” do Democratas, o prefeito de Salvador, ACM Neto, assume hoje o comando da sigla, durante evento em Brasília. O presidente regional do Democratas, deputado Pauderney Avelino, e a presidente municipal da legenda, vereadora Therezinha Ruiz, estarão presentes.

Distância Recentemente, ACM Neto afirmou em entrevista que o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, é um nome a ser lançado para a Presidência, mas “não será candidato de governo”, mostrando um distanciamento do partido ao  governo Michel Temer.

Pode checar O secretário estadual de Saúde, Francisco Deodato, apresentou ao Ministério Público de Contas relatório de 120 dias de gestão (outubro a janeiro).

Foi lá Acompanhado do secretário Executivo da Susam, Orestes Filho, o próprio Deodato foi ao órgão, ontem, entregar o documento ao chefe do MPC, Carlos Alberto Almeida, na presença do procurador João Barroso, da Coordenadoria de Saúde do órgão. 

Deferência Sobre nota publicada nesta quarta (7) pelo SIM&NÃO, sob o título “Tudo Certo”, o prefeito Arthur Neto afirmou que não se manifestou sobre o julgamento da ação que corria contra ele, no TRE/AM, nem por meio de sua assessoria, “que não foi consultada sobre o assunto”. “O prefeito reitera que confia na independência dos poderes e tem muito respeito por todos os membros da Justiça brasileira”, afirmou a assessoria do tucano.

Resultado A nota publicada ontem pela coluna dizia que o prefeito dava como certa a vitória no TRE/AM, no processo movido pelo Ministério Público Eleitoral, que lhe atribuída falsa declaração de bens. Ontem mesmo, às 13h30, Arthur foi absolvido.