Publicidade
Sim & Não

Belão seria segurança para governo

26/11/2016 às 14:18
Show vice presidente ale am belarmino lins pmdb acrima20130802 0025 15

Pela experiência que adquiriu nas três vezes que esteve no cargo e o perfil conciliador, aliados do governo sustentam que Belarmino Lins (Pros) seria o nome ideal para presidir a ALE-AM. Com perspectivas de um 2017 tão difícil quanto foi 2016 para o governo, um presidente com o perfil de Belarmino seria uma mão na roda para o Executivo dentro do parlamento. Belão, como é chamado pelos colegas, presidiu o Legislativo de 2005 a 2010, ganhando a simpatia de governistas e oposição.

Camaleão

A fidelidade de Belão ao governante de plantão e o tato para ouvir a oposição sempre foram destacados. O próprio político orgulha-se de não ter vocação para opositor, seja qual for o governador.

Eu quero

No páreo pela disputa da presidência da ALE-AM, Sidney Leite, também do Pros, admite que saiu da Sepror para disputar a presidência do Legislativo. E que confessou pessoalmente o desejo ao governador José Melo (Pros).

Voto aberto

Apesar das pré-candidaturas dos colegas de partido do marido, a primeira dama do Estado, Edilene Gomes, tem outro candidato a presidente da ALE-AM: o líder do governo, David Almeida (PSD).

Às claras

Já não se restringe aos bastidores a articulação que Edilene faz dentro da ALE-AM a favor de David. Os dois foram colegas de trabalho, na Secretaria de Assistência Social (Seas), no governo de Eduardo Braga (PMDB).

Dois mundos

Enquanto o prefeito Artur Neto (PSDB) sustenta em coletivas que fez sobrar dinheiro no seu governo, na Justiça, a prefeitura diz que não nomeia uma aprovada no concurso da Semsa de 2012 porque não tem dinheiro. O TJ-AM não aceitou a alegação e determinou a nomeação.

Vem por aí

Falando em prefeitura, assessores próximos ao prefeito dizem que haverá “interessantes” trocas de secretários municipais.

Tudo pode

Quem falou em troca de assessores nesse fim de semana foi José Melo (Pros). Questionado, o governador não descartou novas mexidas na sua equipe para 2017.

 

Como nuvem 

“Um governo é dinâmico. Toda hora você tem que fazer ajuste e o momento é difícil. Toda hora estamos ajustando a máquina, e aqui e acolá tem que ajustar as pessoas”, declarou Melo.

De pertinho

 Uma comissão da Executiva Nacional da Rede veio a Manaus nesse fim de semana. Há quem diga que o grupo apura a conduta de filiados que não fizeram campanha para Luiz Castro e no 2º turno pediram voto para Marcelo Ramos.

Veja bem

Luiz Castro afirma que a vinda da comissão para Manaus faz parte de uma estratégia de estreitamento de relações entre a Executiva Nacional e a dos estados. E não para caçar filiado infiel.

Não vi

“Se houve militante que não fez campanha pra mim , não identificamos alguém que tenha feito- pelo menos explicitamente-  campanha para outro”, declarou Castro, que foi o 6º colocado na disputa pela Prefeitura de Manaus.

In loco 

O secretário estadual Pedro Elias (Saúde) vai despachar dentro de unidades de saúde em Manaus. A experiência começa nesta segunda-feira, 28. O titular da Susam diz que quer ver os problemas de perto.