Publicidade
Sim & Não

Cinismo de Arthur Virgílio Neto não tem limite

30/11/2017 às 21:31 - Atualizado em 01/12/2017 às 11:11
Show 38655616992 362dcda0f9 k

Faz quase três décadas que o prefeito de Manaus, Artur Neto, comanda o PSDB do Amazonas com mão de ferro, impedindo a ascensão política de qualquer outro membro do partido que não seja ele próprio e o filho, Artur Bisneto. Por isso mesmo, quem planeja alçar voos altos na sigla logo abandona a legenda. Déspota, o tucano agora reivindica “votação democrática” no PSDB Nacional para a escolha do candidato à Presidência, embora, no Amazonas, não se tenha notícia de que ele e o filho tenham se submetido a prévias.  

Teatro 1  Em vídeo publicado no Twitter, Artur Neto convoca os militantes tucanos para “ir à luta”  por prévias para a Presidência da República. “Você não serve só para carregar bandeira”, diz. 

Teatro 2  Detalhe é que o PSDB do Amazonas mais uma vez convoca seus militantes para segurar bandeira em um evento que ocorrerá amanhã, no Dulcila, a partir das 9h, para carimbar algo que já está decidido: Artur como pré-candidato à Presidência. 

Sintomático  Vale lembrar que, além de pai e filho, os únicos dois políticos com alguma expressão no PSDB do Amazonas, atualmente, foram obrigados a se  filiar ao partido: Marcos Rotta e Carlos Souza. Experiente, Bosco Saraiva deu adeus ao tucanato. Na CMM, a sigla tem apenas dois representantes. Um deles, Plínio Valério, está de saída.  

Na vitrine  O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) publicou ontem em seu site os salários de todos os magistrados da Justiça de Minas Gerais, Espírito Santo e São Paulo. A hora do Amazonas ainda vai chegar, já que todos os Estados estão obrigados a remeter os dados. 

Folha Quando as informações do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ/AM) chegarem ao CNJ constará entre os dados, por exemplo, que em junho deste ano, mês em que receberam o adiantamento do 13º salário,  o rendimento líquido dos  magistrados variou entre R$ 55 mil  e R$ 60 mil,  

Aprovadíssimo   A eleição para o comando da Defensoria Pública do Estado (DPE), com vistas ao biênio 2018/2019, consagrou ontem a gestão do defensor Rafael Barbosa, único postulante ao cargo. Dos 92 votantes, 90 confirmaram o nome de Rafael.  

Experiência   Titular da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), Francisco Deodato vem mostrando habilidade nos últimos dias para fechar acordos difíceis com prestadores de serviços e gestores municipais da área. 

Manha  A articulação de Deodato rendeu negociações de dívidas das administrações anteriores com empresas médicas, de serviços de conservação e limpeza, de vigilância e alimentação. Ele ainda destravou o processo de repasse de recursos aos municípios. Muitos chegaram a ficar 17 meses sem receber a verba que têm direito. 

Expressivo  Os acordos selados  nas diversas varas de Justiça do Amazonas, durante a Semana Nacional de Conciliação (SNC), que encerra hoje,  somam até aqui R$ 8,1 milhões. 

Revolução Proposta apresentada pela Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Estado (ALE/AM) tenta incluir no Regimento Interno da Casa a proibição de “apartes” durante o pequeno expediente.