Publicidade
Sim & Não

Conselho descredencia 110 entidades

29/09/2017 às 22:48 - Atualizado em 29/09/2017 às 22:48
Show sim e n o

Cento e dez organizações filantrópicas de Manaus vão deixar de receber os benefícios do Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS).  A medida foi publicada no Diário Oficial do Município que circulou ontem. As entidades penalizadas, parte delas bastante conhecida, deixaram de apresentar relatório anual ou plano de ação ou descumpriram critérios do regimento interno do CMAS, como a obrigatoriedade de terem um assistente social no quadro de funcionários. Confira a lista completa clicando aqui. 

Renome  Entre as entidades que tiveram a inscrição no CMAS cancelada estão as fundações de Apoio ao Idoso Dr. Thomas e Pocetti, a Liga Amazonense Contra o Câncer e o Educandário  Gustavo Capanema. Setenta e três organizações foram declaradas ativas no cadastro do Conselho.

Novo prazo A Prefeitura de Manaus republicou, no Diário Oficial de ontem, termo aditivo do contrato 004/2015, com a construtora MCA. Pela publicação, a empresa terá mais 150 dias, contando de 30 de julho, para executar a obra de requalificação da Praça XV de Novembro e relógio municipal.

Nova rota Em post nas redes sociais, o vice-prefeito e secretário de Infraestrutura (Seminf), Marcos Rotta, revelou que a administração municipal estuda criar, em parceria com a Universidade Federal do Amazonas, rotas alternativas de tráfego dentro do campus.

Mistério Após finalizar um levantamento que mostra que os cofres públicos municipais do Amazonas receberam  R$ 294  milhões do Fundeb, o deputado Serafim Corrêa (PSB) alertou: nenhum dos 62 municípios lançou esses números no portal do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Madeira  O deputado federal Alfredo Nascimento (PR) conseguiu viabilizar R$ 68,7 milhões para a execução da drenagem do canal do rio Madeira, que terá 75 metros de largura e 3,5 metros de profundidade.

Hidrovia A iniciativa vai garantir a navegabilidade durante todo o ano na principal hidrovia da Amazônia. Até o momento já foram dragados pontos críticos de Curicacas e Miriti. Breve, novos pontos serão dragados.

Interiorização Na próxima segunda-feira, a Associação Amazonense de Municípios assina um termo de cooperação técnica com o INSS para a implantação do programa INSS Digital no interior do Estado. De acordo com a AAM, até 2020, a medida pode gerar  cerca de R$1,8 bilhão ao ano em renda para as prefeituras do Estado.

Em fatias  O BNDES confirmou esta semana que as distribuidoras da Eletrobras que serão privatizadas serão vendidas separadamente em março de 2018. Distribuidoras do Acre, Rondônia, Amazonas, Alagoas, Roraima e Piauí serão privatizadas na ocasião.

Fases Os próximos passos das privatizações são a realização de análises, roads shows e publicação dos editais, processo que levará cerca de oito meses, segundo o banco.

Descontos Pesquisa nacional sobre programas de fidelidade feita pelo Instituto Febrafar revela que 92% dos brasileiros gostariam ou gostam de participar de ações de fidelização. A maioria tem interesse por programas ligados a supermercados e farmácias (67% e 56%, respectivamente).