Terça-feira, 17 de Setembro de 2019
Sim & Não

Deputado usa ‘bots’ nas redes


alberto_neto_C99C618B-53C1-46BF-A964-F2332758D5D2.JPG
10/09/2019 às 08:05

Ao visitar a página oficial do deputado federal Alberto Neto (Republicanos) em uma rede social, a caixa de mensagens privadas é acionada com as seguintes perguntas: “Pode me falar mais sobre você?”, “Posso saber mais sobre seu histórico?”, “Você está disponível para conversar?” e “Onde vocês se encontram?”. Ao que parece, o deputado decidiu utilizar a tecnologia em seu favor para conhecer melhor os internautas que visitam suas redes sociais.

‘Bots’ Os bots são aplicações de software concebidas para simular ações humanas repetidas vezes de maneira padrão, da mesma forma como faria um robô. O único problema é que têm sido apontados como disseminadores de “fake news” e até de replicar reações nada lisonjeiras a posts que vão contra certa ideologia.

Vídeos Na página do deputado Alberto Neto também chamam atenção dois vídeos postados recentemente. Em um, o cidadão ataca um assaltante, em um mercadinho, com uma botija de gás. Em outro, o interrogatório de um dos suspeitos de assassinar um motorista de aplicativo, é chamado pelo deputado de “escória da humanidade”.

Mulheres Em outro post, o deputado federal informa que esteve reunido com a Secretária Nacional de Políticas para as Mulheres, Cristiane Britto, e, ao lembrar que seu mandato é participativo, pede ajuda das mulheres para avançar nos assuntos relacionados à segurança da mulher.

Detran-AM  O Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) inaugura hoje pela manhã novas instalações de dois Postos de Atendimento Descentralizados, em Iranduba e Manacapuru. LGBT   Instituições que desejam concorrer a cadeiras no Conselho Estadual de Combate à Discriminação LGBT do Amazonas (Cecod/LGBT) têm até o dia 23 de setembro para se inscrever. Basta entrar no site da secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), www.sejusc.am.gov.br, baixar e preencher as fichas de requerimento.

Bumbás O Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE-AM) vai apurar, em inquérito civil, gastos das verbas públicas recebidas pelos bois-bumbás de Parintins, Garantido e Caprichoso. As ações foram assinadas, em conjunto, pelas três promotoras de Justiça de Parintins: Eliana Leite Guedes (1ª PJ), Lilian Nara Pinheiro de Almeida (2ª PJ) e Marina Campos (3ª PJ).

Venezuelanos Hoje, às 14h, na sede do MPE-AM,  estarão reunidos representantes da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM), Procuradoria da União no Amazonas (PU-AM), Ministério Público Federal (MPF-AM) e Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur). Na pauta, a situação dos refugiados venezuelanos em Manaus.

Sem aftosa O dia de ontem foi um marco para a pecuária amazonense. O estado comemorou 15 anos sem focos de febre aftosa em seus rebanhos. O último registro se deu em 2004, quando houve a identificação pelo serviço veterinário oficial do foco de febre aftosa no município de Careiro da Várzea (a 25 quilômetros de Manaus). Um marco a se comemorar.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.