Publicidade
Sim & Não

Dois focos a partir do dia 1º de agosto

24/07/2017 às 21:59
Show c mara

Os trabalhos da Câmara e do Senado recomeçam agitados, dia 1º de agosto, na semana do primeiro turno da eleição suplementar no Amazonas. Eduardo Braga (PMDB) é o  único dos parlamentares federais candidato, mas praticamente toda a bancada está na campanha e terá que dividir o foco entre  a caça aos votos e um tema urgente: a reforma política. Em Brasília, os políticos já costuram mudanças no financiamento das eleições, no funcionamento dos partidos e na forma de escolher vereadores e deputados.

Pressa Para entrar em vigor na campanha de 2018, as alterações nas regras que regem as eleições precisam ser aprovadas na Câmara e no Senado até setembro deste ano.

CPIs  Quatro CPIs também podem exigir tempo e atenção da bancada do Amazonas em plena campanha: duas têm como alvo de investigações o BNDES e empresas do grupo JBS. As outras são a CPI dos Maus Tratos às Crianças, criada em abril, e a CPI da Previdência.

De perto O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Gilmar Mendes, antecipou a vinda para Manaus. O ministro chega amanhã para visita de um dia. Na data da eleição, dia 6 de agosto, Mendes retorna à capital do Amazonas para acompanhar votação e apuração na sede do TRE.

Memória A Justiça Eleitoral negou pedido de Amazonino Mendes (PDT) para tirar da propaganda de Eduardo Braga (PMDB) citações a promessas não cumpridas em sua última passagem pela Prefeitura de Manaus. Braga tem usado o vice, Marcelo Ramos (PR), para criticar o adversário.

O único Amazonino, um dos candidatos que ainda não assinou carta em favor da BR 319, chega a rir da ideia de alguém achar que ele é contra a estrada. Governador quando a BR foi desfederalizada, ele fez obras de drenagem profunda num longo trecho da rodovia.

Avalista Responsável pela indicação de Abdala Fraxe (Podemos) para vice na chapa de Rebecca Garcia (PP), o governador David Almeida (PSD) diz não acreditar no processo interno de fritura do aliado. E completa: o grupo conta com o deferimento da candidatura de Fraxe, hoje.

Drible David Almeida neutralizou, ontem, um dos motes das primeiras semanas da eleição suplementar: a crise na UEA. Ele anunciou que a Assembleia Legislativa recebe hoje projeto de lei dele que devolve a autonomia orçamentária à instituição.

Sem tato Integrantes da cúpula da PM estavam de “queixo caído”, ontem, pela forma como ocorreu a troca no subcomando da corporação. Reclamavam que o governador David Almeida não pediu “nem a opinião” do coronel Brandão antes de anunciar a mudança.

Reforço O juiz Cássio Borges dos Santos, que no próximo dia 10 será reempossado no comando da Associação dos Magistrados do Amazonas, revelou uma das metas de sua gestão: somar forças aos servidores públicos para barrar a reforma da previdência.

Reforço 2 A reforma nos moldes que o Governo Temer propõe, diz Cássio, “intenta jogar a conta da crise para a classe trabalhadora do País”. A  posse da chapa “Somos todos magistrados”, reeleita para o biênio 2017-2019, será às 16h, no Plenário de Justiça  Desdor. Ataliba David Antônio.