Publicidade
Sim & Não

Eleições Indiretas: hora da decisão

30/07/2017 às 19:34 - Atualizado em 31/07/2017 às 22:03
Show ricardo lewandowski

A uma semana da eleição direta para governador tampão do Amazonas,  o pleito depende de recursos que podem ser julgados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) nos próximos dias.  Um deles é o da ALE-AM pedindo  a realização de eleições indiretas. Na sexta-feira, a ministra Carmen Lúcia determinou “urgência e prioridade em 1º de agosto” do relator Ricardo Lewandowski  no julgamento. A Adin 5525 da PGR defendendo eleições indiretas também deve ser apreciada.

Denúncia

Nesta segunda-feira (31), o Comitê de Combate ao Caixa Dois vai protocolizar Representação na Procuradoria Regional Eleitoral do Amazonas  contra a candidata de Rebecca Garcia e o prefeito de Coari, Adail Filho, por prática de crime eleitoral.

Patrocínio ilegal

Adail Filho vem pagando ou patrocinando mensagens no Facebook com propaganda da Rebecca Garcia. Tal prática é considerada  ilegal,  conforme artigo 57-C da lei 9.594/97, um abuso do Poder Econômico.

Abdala

Sobre o imbróglio a respeito do candidato a vice-governador na chapa de Rebecca, a coligação “Coragem para Renovar” informou que o deputado Abdala Fraxe - impugnado pelo TRE por ser “ficha-suja” não tem necessidade de renunciar da candidatura, pois a decisão do TRE elimina a possibilidade de sua candidatura e abre a espaço para substituição, o que já foi feito.

Questões técnicas

Nesse caso, o fato de o site DivulgaCand.com.br, da Justiça Eleitoral, ainda exibir o nome de Abdala Fraxe, juntamente com o de seu substituto, vereador Felipe Souza, como vices de Rebecca se deve a “questões de ordem técnica”.

Professor

Sem estar presente na corrida da campanha pelo mandato tampão do Governo, Eron Bezerra está atuante como professor da Ufam. Ele pedirá financiamento para um projeto que coordena durante uma reunião da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), em João Pessoa.

Breque

Eron afastou-se da militância política desde que seu nome, e o de sua esposa, a senadora Vanessa Grazziotin, foram citados como possíveis beneficiários de propinas disfarçadas de doações eleitorais.

Taxistas

Categoria está insatisfeita com a aprovação, pela Câmara Municipal de Manaus (CMM), da tramitação do Projeto de Lei (PL) 110/2017. O projeto prevê mudanças na padronização dos taxistas que circulam na capital. A proposta estabelece que os táxis devem receber faixas pintadas nas laterais e teto para melhor identificação.

Despesa

A bronca dos taxistas se deve ao fato de que eles terão que arcar com as despesas de adaptação nos veículos no momento em que se queixam de queda na demanda de passageiros e concorrência com a Uber.

Crédito

O Centro Internacional de Negócios (CIN) da Fieam está implementando no Amazonas o primeiro Núcleo de Acesso ao Crédito (NAC) para assessorar micro, pequenos e médias empresas a financiar seus projetos de expansão e implantação. O projeto é realizado em parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI).