Sexta-feira, 25 de Setembro de 2020
Sim e Não

Indefinição na sucessão em Manaus


329d0bfe-140e-4151-9139-524fb806a746_BE505F49-F1CF-4F03-9D51-ED4B66450C76.jpg
05/08/2020 às 08:23

Um cenário político indefinido. É o que mostra uma pesquisa realizada pelo Instituto Projeta em Manaus. Os números apontam um 2º turno com Amazonino Mendes (Podemos) podendo disputar com David Almeida (Avante), José Ricardo (PT), Alfredo Nascimento (PR) ou Marcos Rotta (DEM). Os quatro últimos pré-candidatos tiveram empate técnico, considerando a margem de erro. O “Negão” passa do 1º turno com 24,82% de seu eleitorado, mas terá dificuldades para ir muito além disso no 2º turno por conta de sua rejeição, que é a maior entre os 13 nomes pesquisados.     

Difícil para todos   Almeida, que alcançou 12,35% das intenções, disse que a eleição deste ano será difícil para todos os candidatos. Já o deputado federal José Ricardo, com  8,56%, comentou que  a turma que aparece na pesquisa “é do grupo político que deixou o Estado acabado”, e que continuará trabalhando em seu plano de governo.      

Combustível  O vice-prefeito Marcos  Rotta, que obteve 5,90%, recebeu os números com “humildade e alegria”. “Creio que a pesquisa represente um momento, mas não deixa de ser um indicador. Certeza que servirão de estímulo para uma jornada que será, sem dúvidas, acirrada”.  

Sem contato  O que figura na lista e que não conseguimos contato foi Alfredo Nascimento (PL). Até a noite de ontem, sua última movimentação nas redes sociais havia sido na última segunda-feira, quando postou uma foto de uma reunião na sede do partido. 

Sem social media?  E por falar em redes sociais, de todos os perfis dos prefeituráveis, o de Alfredo Nascimento é o menos movimentado. Legendas curtas, algumas fotos recentes até sem legendas e sem emoticons, critérios básicos para causar engajamento,  demonstram que o candidato está mesmo precisando de um profissional de mídias sociais. Mesmo assim, ele apareceu com 6,79% das intenções de votos.    

Pesar  Presidente da Comissão Permanente de Segurança Pública da Aleam, deputado estadual Cabo Maciel, apresentou uma Moção de Pesar à família dos policiais militares mortos durante operação em Nova Olinda do Norte. O documento foi aprovado com unanimidade. 

Onda Bolsonaro  Pelo menos quatro pré-candidatos a prefeitura de Manaus estão apostando na onda Bolsonaro, iniciada em 2018, para garantir votos nestas eleições. Fotos nas redes sociais com o presidente  é o que não falta. 

Amizade sincera? Um pré-candidato, cujo fundador do partido que representa é João Amoedo  - que faz severas críticas ao Governo Federal - divulgou  no último sábado seu currículo. Num trecho, ele disse ter conhecido Jair Bolsonaro num curso de paraquedismo militar, tendo convivido com o atual presidente, “do qual é amigo até hoje”. 

Ou falsa?  O mesmo texto foi editado nas redes sociais. Agora o pré-candidato e empresário não cita mais que conviveu com Bolsonaro e nem que é amigo dele. Diz apenas que “nunca imaginou que  35 anos depois viesse (Bolsonaro) a se tornar Presidente da República, a quem tenho elevado apreço”. O que se comenta  é que ele nunca foi amigo do presidente.   

Lixo zero  O vereador Reizo Castelo Branco (PTB) se reuniu com o Embaixador do Instituto Lixo Zero Brasil em Manaus para discutir o Projeto de Lei 232/2020, que dispõe sobre o desconto no IIPTU, por meio de crédito para quem trocar material reciclável. Segundo Reizo, Daniel dos Santos ficou sabendo do PL através das divulgações na imprensa e nas redes sociais e entrou em contato para debater o assunto. 
 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.