Sábado, 19 de Outubro de 2019
Sim & Não

Josué quer investigar agressão


josu__21DF521A-AE4F-49A8-9E28-1A2F0DD51AF5.jpeg
18/09/2019 às 07:58

O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), Josué Neto (PSD), solicitou ontem que as Comissões de Educação e Segurança Pública da Casa investiguem as agressões sofridas por um professor dentro das dependências do Colégio Militar da Polícia Militar 1 (CMPM1). O caso foi denunciado pelo próprio professor Anderson Rodrigues, que afirmou ter sido agredido pelo gestor da escola, o tenente-coronel Cézar Andrade, no dia 27 de agosto.

Inaceitável O presidente da ALE-AM alega que “o povo não aceita esse tipo de acontecimento nas dependências da escola”. Josué Neto fez questão de ressaltar também que a intenção não é “passar a mão na cabeça do professor antecipadamente”.

Solução Segundo Neto, diante de qualquer erro que o professor tenha eventualmente cometido, a solução seria abrir um processo administrativo para tratar a questão. “E não de forma que ele possa receber cascudo, pontapé. Isso não resolve a vida de ninguém”.

‘Bolsonarista’ Hissa Abrahão (PDT) não poupou críticas a Amazonino Mendes por conta de sua saída do partido: “Devido à difícil convivência da militância com as posições reacionárias deste senhor e à sua forma antiquada de fazer política, ele deve ter percebido que deveria procurar um partido mais próximo de seus ideais bolsonaristas”.

Dados de 2018 A respeito da informação publicada pela coluna de que o Amazonas surge em 2º lugar na categoria roubo a comércios, do 13º Anuário da Segurança Pública, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) esclarece que trata-se de dados de 2018.

Redução A SSP informa ainda que, nos seis primeiros meses de 2019, houve redução de roubos em estabelecimentos comerciais. De acordo com dados da SSP, foram 1.166 casos registrados em 2019 ante os 1.242 do mesmo período do ano passado. Uma redução de 6,1%.

Rede Semelhante à experiência realizada com os moradores, a PM desenvolve o “Rede de Comércios Protegidos”, mantendo contato  com comerciantes. A dinâmica é focada também no compartilhamento de informações para a prevenção de roubos e furtos em comércios.

Acessível O corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, estará disponível para atendimento ao público de Manaus no dia 23, a partir das 15h, na sala da Escola Superior da Magistratura do Amazonas (Esmam), localizada no 1º andar do Centro Administrativo Des. José Jesus F. Lopes, anexo à sede do TJAM.

Inspeção O corregedor vem a Manaus em virtude da  inspeção que o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) realizará no Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM). Os interessados em serem atendidos pelo corregedor não precisam fazer agendamento prévio, bastando comparecer no horário indicado.

‘Abraçaço’ A campanha “Abraço em Defesa da Vida”, da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM), faz um alerta para a prevenção ao suicídio com distribuição de abraços, hoje, às 17h, no Largo de São Sebastião. A campanha faz alusão ao Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.