Publicidade
Sim & Não

Judiciário amazonense ‘protege’ o próprio Natal de 2017 com gratificação

23/11/2016 às 22:16 - Atualizado em 23/11/2016 às 22:20
Show show sede tribunal justica amazonas aleixo acrima20140506 0083 26

Considerando que a previsão orçamentária para 2017 feita pela Sefaz, indica “cenário de redução aguda da receita corrente líquida do Estado”, mas, que apesar da crise, é preciso proteger a folha de pagamentos, o Tribunal de Justiça do Amazonas instituiu desde já o calendário de sua Gratificação Natalina. Segundo portaria publicada no Diário da Justiça de ontem, a primeira parcela será paga até o último dia útil do mês de julho e a segunda até o dia 19 de dezembro.

Nem aí: a Justiça decretou ontem que correrá à revelia da SMTU ação impetrada em 2011, por parlamentares do PT, contra o aumento da passagem de ônibus em Manaus. Segundo o despacho, a Superintendência Municipal perdeu todos os prazos legais de contestação.

Luz na ponte: o Ministério Público do Estado instaurou inquérito para investigar a falta de iluminação na Ponte Rio Negro. O objetivo, segundo despacho que notificou a Seinfra sobre a apuração, é “a solução definitiva do caso”.

De volta: o deputado federal Hissa Abrahão reassumiu a presidência estadual do PDT, que ele havia perdido após contrariar orientação do partido e votar a favor do impeachment de Dilma Rousseff, em abril.

Reforço: ontem, após ser re-empossado, Hissa comemorou o fim das  “turbulências no partido” e anunciou as filiações do professor da Ufam Ademir Ramos e do presidente do Crea-AM, Cláudio Guenka.

Energia: neste final de ano, pelo menos 15 empresas da Zona Franca avaliam migrar para o mercado livre de energia, onde a carga é comprada direto de produtores e não da concessionária.

Energia 2: o principal motivo é a economia que pode chegar a 25% na fatura mensal. A Comerc Energia, que oferece soluções para empresas dentro do mercado livre, espera crescimento de 150% na carteira de clientes.

Fome: a lista das perguntas mais feitas ao Google por brasileiros este ano traz uma velha conhecida dos nortistas no top 10. A segunda dúvida no ranking nacional, elaborado pelo SEMrush, é “como fazer tapioca?”. Só perde para as variáveis de: “como chegar?”

Bons de prato: a Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS) quer conquistar o Exército pelo estômago. De olho no fornecimento de peixes, verduras e frutas para os militares, a ADS oferece a eles, amanhã, almoço com produtos regionais de cooperativas.

Desfile: A seccional da OAB no Amazonas colocará advogadas na passarela hoje, no lançamento da Campanha 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres. Elas vão desfilar pelo Manauara Shopping segurando placas com frases sobre direitos.

Posse: David Alexandre Sabbá Guimarães toma posse hoje na cadeira nº 3 do Instituto Geográfico e Histórico do Amazonas (IGHA). David será saudado pelo pai, que também é membro da entidade, bem como da Academia de Letras, Newton Sabbá Guimarães.

Perdeu: o novo capítulo do livro que Mário Rosa publica aos poucos no UOL revela bastidores da repercussão negativa de sua atuação na campanha ao Governo do Amazonas de 2014, como consultor de crises de Eduardo Braga (PMDB).