Publicidade
Sim & Não

Juíza critica advogado da coligação de Artur e Rotta

20/08/2016 às 20:54
Show careen

O modus operandi de advogados da coligação “Por uma só Manaus”, do prefeito Artur Neto (PSDB) e Marcos Rotta (PMDB), foi criticado pela juíza da propaganda em Manaus, Careen Aguiar Fernandes. Para ela, os defensores têm agido de má fé, ao apresentarem ações em sequência e com demandas idênticas. “A meu sentir, a formulação de duas demandas idênticas sinalizam litigância de má-fé”, escreveu Careen em despacho publicado essa semana. 
Campanha na rede   Na ação em questão, a coligação do tucano acusa o candidato a prefeito Marcelo Ramos (PR) de propaganda irregular nas redes sociais.

Veja bem  

Em resposta à juíza, o advogado Daniel Nogueira, que assina a ação, defende que, com “uma leitura cuidadosa” das duas ações, a magistrada perceberá que não está diante de duas ações idênticas. 

Ser ou não ser  

Um dos argumentos do advogado é que se as postagens na Internet, supostamente irregulares, são em redes sociais diferentes, as ações têm que ser separadas. Estratégia semelhante foi usada nas eleições de 2014, quando o escritório trabalhava para Eduardo Braga (PMDB), então candidato ao governo.

Produção

 Até o dia 19, o PSDB e a coligação “Por uma só Manaus” (de Artur Neto) já haviam apresentado à Justiça Eleitoral 27 representações - 19 contra Marcelo Ramos; seis contra Hissa Abrahão (PDT) e uma contra o Facebook.

Nas ruas  

O prefeito Arthur Neto (PSDB) e o candidato a vice na chapa dele, Marcos Rotta (PMDB) optaram por percorrer a cidade em carro aberto, ontem, no primeiro dia de campanha. Os dois visitaram vários bairros em um jipe sem capota e receberam acenos do povo e “incendiaram” os bandeiraços organizados pela coordenação da campanha da chapa.

Por um dia  

O candidato a prefeito de Manaus Hissa Abrahão  (PDT-AM) vai sentir na pele a rotina de um cidadão em busca de emprego. Hissa é um dos candidatos da série do “Alô Amazonas” - De Frenre Com a Realidade -, na TV A Crítica. A gravação inicia a partir das 4h desta segunda, 22 .

Buraco  

Falando em Hissa, para o ex-deputado Liberman Moreno (PPS), a saída do político do PPS desestabilizou a militância. “O PPS começou a ter problemas na saída do Hissa Abrahão, que deixou, de fato, uma lacuna. Desde essa época os filiados ficaram meio agoniados”, diz Liberman, que hoje pede voto para Marcelo Ramos.


Novo gênero  

O vice-governador e pré-candidato a prefeito Henrique Oliveira (SD) aposentou a boneca de cabelos longos e louros da campanha de 2012, que usou para chamar Vanessa Grazziotin (PCdoB) de marionete. Agora, o boneco é do sexo masculino.

Caixa gordo    

Com a criação do Fundo de Apoio ao Exercício de Controle Externo, o TCE-AM e a ALE-AM vão poder colocar a mão em recursos de multas aplicadas pelo tribunal que esse ano já somam R$ 493,5 mil.   


Cofres novos

De 2010 até aqui, o TCE-AM recolheu R$ 4 milhões em multas. Até então, esse dinheiro ia para nos cofres da Sefaz. Agora, com a aprovação do fundo, os recursos serão divididos entre o tribunal e o Poder Legislativo.