Publicidade
Sim & Não

Jurídico de Artur reclama de ‘faroeste’

21/09/2016 às 22:04
Show picmonkey collage

Um dia antes da campanha de Artur Neto (PSDB) abrir fogo direto ao candidato do PR Marcelo Ramos (PR), um dos advogados da campanha tucana, em documento oficial, perguntou ao presidente do TRE-AM, Yedo Simões, se o espaço para a propaganda eleitoral “é faroeste sem xerife”. No pedido de informação, o advogado Daniel Nogueira critica a atuação das juízas da propaganda, e questiona se o TRE-AM compartilha as decisões delas ou  as orientações do TSE.

Autodefesa   Na consulta, o advogado da coligação “Por uma só Manaus”, diz que a posição do TRE-AM é importante, “até mesmo para permitir o uso do próprio horário eleitoral gratuito para o exercício da autodefesa”.

Tolerantes.  O jurídico da campanha de Artur acha que as juízas da propaganda Lídia de Abreu e Careen Aguiar Fernandes “estão sendo permissivas” com os programas eleitorais de Marcelo Ramos. E demorando na análise das representações contra ele.

Reação.  A equipe de Marcelo Ramos informou que o candidato pedirá direito de resposta e a retirada de um vídeo exibido pela campanha de Artur, em que o tucano tenta vincular a imagem do candidato do PR ao escândalo da operação “Maus caminhos”.

Cabo eleitoral. O ex-presidente Lula gravou programa para ser exibido na propaganda eleitoral do candidato a prefeito do PT em Manaus, José Ricardo. Segundo a campanha do petista, a ex-presidente Dilma Rousseff também gravará.

No palanque.  A campanha de José Ricardo quer mais. Segundo o vice do petista, Yann Evanovick (PCdoB), eles tentam trazer Dilma e Lula a Manaus antes do fim do pleito.

Primeiramente. O relator do recurso em que José Melo (Pros) tenta reverter sua cassação do TSE, Napoleão Nunes Maia Filho, incluiu o caso entre os que serão analisados com preferência.

Apressados.  O pedido de preferência foi feito pelo advogados do senador Eduardo Braga (PMDB), autor da ação que pode resultar na saída do governador do cargo.

Tô dentro. Falando no assunto, no início do mês, o Pros, partido do governador, pediu para participar do processo no TSE. Napoleão Nunes ainda não decidiu.

Perfil 1.  Candidato a vereador pelo DEM, Kleber Romão defende em sua redes sociais que as mulheres têm sim como se defender de estupros. Uma das medidas é “não da mole por aí”. Outra é “ter uma arma de fogo mesmo que ilegalmente”.

Perfil 2.  Em resposta a uma internauta indignada com a posição dele, o aspirante a político se saiu com essa: “Torço para que mude de opinião antes de ser assaltada, alvejada por um tiro, agredida ou até mesmo estuprada”.

Posse. O desembargador Wellington José de Araújo tomou posse, ontem, como membro substituto do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas. O magistrado foi reconduzido pelo presidente da Corte Eleitoral em exercício, desembargador João Simões.