Publicidade
Sim & Não

Limites à concessão de PMs

12/09/2017 às 21:06
Show pms 123

Conforme o prazo regimental para a tramitação de projetos na Assembleia Legislativa do Estado (ALE/AM), a Casa já poderá votar amanhã a proposta do deputado Sabá Reis (PR) que tem como objetivo padronizar e impor limites à concessão de policiais militares para órgãos como TJ/AM, MPE, TCE, Prefeitura de Manaus e o próprio Poder Legislativo. Resta saber se, após o alarde feito pelos parlamentares, a Casa cumprirá a promessa, já que há dois anos a ameaça foi a mesma, sem resultado efetivo.

Influência   O ex-vice-governador do AM Samuel Hanan, que geriu o Estado junto com Amazonino Mendes entre 1999 e 2002, tornou-se  uma espécie de Coach do governador eleito nas últimas semanas. Apesar da proximidade, Hanan não necessariamente irá assumir uma função oficial na gestão estadual.

Talvez  Dentre os nomes avaliados para o novo secretariado, o auditor fiscal da Sefaz, Ricardo Castro,  presidente do Sindifisco-AM, está entre os cotados para assumir o comando da Fazenda Estadual na gestão Amazonino.

Certeza  Na  Secretaria de Juventude, Esporte  e Lazer (Sejel), o titular da pasta, Fabrício Lima, já tem  um substituto: o vereador Diego Afonso (PDT), filho do deputado estadual Adjuto Afonso (PDT).

Porta-voz  Na Assembleia Legislativa do Estado (ALE/AM), o deputado estadual Dermílson Chagas (PEN) falou com pose de líder do novo governo e disse que a formação da base de apoio a Amazonino  está prestes a ser fechada.

União  Sobre o relacionamento com a oposição, Dermílson afirmou: “O que passou, passou. O momento é outro e estamos vivendo o período em que a população quer soluções e não problemas”.

Dois pesos  Exemplar e implacável com suspeitas de corrupção e nepotismo no interior do Amazonas, o Ministério Público do Estado (MPE/AM) não demonstra o mesmo ímpeto quando assuntos do tipo envolvem a Prefeitura de Manaus. A postura destoa inclusive do que se vê entre os MPs em âmbito nacional.

A mesma medida  Desde que o prefeito Artur Neto (PSDB) nomeou o filho para ocupar a chefia da Casa Civil, o MPE silenciou sobre o caso. O silêncio é o mesmo na OAB, que em nível nacional levanta bandeira contra o nepotismo. O prefeito de Manaus é um dos principais clientes do  presidente da Ordem, Marco Aurélio Choy. 

Rigoroso   O MPE/AM decidiu investigar - em Itacoatiara - os crimes de “usurpação de função pública e de prevaricação” supostamente cometidos na Secretaria Municipal de Meio Ambiente daquele município. A abertura do procedimento consta na publicação do Diário Oficial Eletrônico do órgão, que circulou ontem.

Quem sabe  O defensor público geral Rafael Barbosa se disse contente com a posse de quatro novos juízes no Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ/AM), mas não escondeu o quanto gostaria que o mesmo ocorresse com a DPE.

Um dia  “Esperamos que as outras carreiras, como a da Defensoria Pública, possam trilhar o mesmo caminho que o do Tribunal de Justiça, que é um órgão mais antigo e melhor estruturado”, disse Barbosa.