Publicidade
Sim & Não

Manaus se ‘candidata’ para Feirão

28/05/2018 às 22:09 - Atualizado em 28/05/2018 às 22:53
Show feir o

Com quase 700 contratos  encaminhados e valor total negociado de R$ 105,3 milhões, a Feira de Imóveis de Manaus promovida no fim de semana pela Associação das Empresas do Mercado Imobiliário no Estado do Amazonas (Ademi) com apoio da Caixa credencia a cidade para entrar, no próximo ano, no calendário oficial dos feirões do banco. A avaliação é do presidente da entidade, Albano Máximo, que comemorou o resultado: “Foi surpreendente. Nós (Ademi) esperávamos metade disso”.

Diferença   Albano Máximo explica que, diferente do evento realizado em Manaus no fim de semana e que os empresários chamam de feira, o Feirão da Caixa é patrocinado pelo banco, que investe pesado em propaganda para atrair potenciais compradores.

Quente   Mesmo sem  toda a estrutura da Caixa, a  Feira de Imóveis atraiu 10.126 pessoas. Apesar do foco serem imóveis do “Minha Casa, Minha Vida”, foram registrados também tíquetes (vendas) mais altos que os do programa federal.

Prêmio  A Previdência do Estado do Amazonas, gerida pela Fundação Amazonprev, conquistou pela 3ª vez o troféu de Boas Práticas de Gestão Previdenciária de Regimes Próprios de Previdência, da Associação Nacional de Estados e Municípios (Aneprem), na categoria de grande porte.

Água mole  A Federação das Indústrias do Estado de Goiás, que teve sua inclusão na ADI que o Amazonas move contra a guerra fiscal negada pelo STF, recorreu da decisão. Em petição feita dia 25, a Fieg alega que pode contribuir para o julgamento da questão no que se refere a incentivos de ICMS.

Municipalista Marinha Raupp (MDB), deputada federal por Rondônia, apresentou na Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia requerimento para criar uma subcomissão “dos Municípios da Região Amazônica”.

Drones Funcionários do Serviço Florestal Brasileiro, ICMBio e Ibama tiveram 40 horas de aula para aprender a usar drones no monitoramento florestal. O País tem um milhão de hectares sob concessão federal, de onde saem 175 mil metros cúbicos de madeira/ano.

Dia de vidraça Entre os julgamentos preferenciais para a sessão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) de hoje estão listados dois recursos contra o juiz Sergio Moro, da Lava Jato. As reclamações têm como interessados o ex-presidente Lula e a Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe).

Aquiles Deu na Folha de S. Paulo: partidos de oposição ao PT se preparam para tentar barrar a candidatura de Dilma Rousseff ao Senado por Minas Gerais. Eles querem que ela seja enquadrada na Lei da Ficha Limpa, já que foi condenada por um colegiado,  o Senado.

Energia  A Comissão de Infraestrutura do Senado deve analisar hoje o projeto de lei que cria multa a ser paga por empresas concessionárias aos usuários dos serviços de energia elétrica em caso de interrupção no fornecimento.

Energia  2  O texto que será votado estabelece que clientes diretamente prejudicados serão indenizados em até três meses quando a falta de energia “superar o valor limite de indicadores de qualidade do serviço prestado, podendo (a multa) ser quitada pela forma de crédito na fatura ou em espécie”.