Sexta-feira, 04 de Dezembro de 2020
Sim e Não

Manauscult dificulta lei Aldir Blanc


show_1_BF743EB6-921A-49E0-8B8A-57714618A33D.jpg
29/10/2020 às 06:57

Encerrou ontem o prazo de inscrição para o edital com recursos da Lei Aldir Blanc operado pela Prefeitura de Manaus. Por conta da demora na regulamentação da lei, o prazo para entrega dos objetos e prestações de contas foi prorrogado pelo Governo Federal e Estadual para o ano que vem. A Manauscult, no entanto, segue irredutível e definiu a data da entrega para 31 de dezembro. Para a classe artística, a secretaria está sendo incoerente, tornando curto o prazo para  execução de todos os  trâmites. 

Dificuldade - “Nos parece uma tremenda irresponsabilidade do poder público tratar a Lei de forma tecnocrática como estão fazendo, dificultando o trabalho dos agentes culturais - objeto primeiro desta lei - , a execução e o melhor uso dos recursos já aprovados em lei”, disse o produtor cultural Gustavo Soranz, que lembrou que a SEC, por exemplo, definiu a entrega para março de 2021. 

Fantasma - O Ministério Público do Amazonas (MP-AM) instaurou inquérito civil para apurar a existência de servidores fantasmas no gabinete do deputado estadual Fausto Júnior (PRTB). Assinado pelo promotor  Edgard Maia de Albuquerque Rocha, o inquérito investiga uma servidora que, segundo o MP, recebe sua remuneração mensalmente sem comparecer na Aleam.  

Banco de imagem -  Servidor público concursado, o vereador e candidato à reeleição Marcelo Serafim (PSB) usou fotos de bancos de imagem na internet para 'homenagear' o Dia do Funcionário Público.

Banco de imagem 2  - Em post no Instagram, cuja legenda dizia "Parabéns aos servidores públicos de Manaus", ele usou diversas imagens que podem ser facilmente encontradas na internet, em bancos de imagem como Shutterstock. Não há, nas imagens, nenhum servidor público de Manaus.

Confirmada -  A visita de 12 embaixadores ao Amazonas está confirmada. A comitiva chega no dia 4 de novembro em Manaus e traz uma preocupação junto:  estimada em 50 pessoas,   o risco de aglomeração  na execução das agendas é grande. Uma  das paradas  será em São Gabriel da Cachoeira, município mais indígena do Brasil, que até a última segunda-feira estava com 4.484 casos de Covid-19 confirmados.     

Falta celeridade - O Tribunal de Contas do Estado (TCE) renovou cinco prazos de inquéritos em um dia. Um deles, aberto há quatro anos pra investigar um processo licitatório de quase 11 anos atrás (2009), trata da contratação de  empresas especializadas para a execução de serviços de obras civis, estrutura de cobertura metálica, elétrica, hidráulica, instalação do sistema de ar-condicionado, broadcasting, sistema de segurança e os demais ambientes contidos nos projetos da Arena da Amazônia.

Utilidade pública - Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) aprovou ontem, por unanimidade, Projeto de Lei (PL) que declara de utilidade pública a Academia Amazonense de Música, organização sem fins lucrativos. O PL, de autoria do deputado Saullo Vianna (PTB), agora segue para sanção. Fundada em julho de 2018, desde então, vem desenvolvendo um grande trabalho de difusão, e valorização da música.

Malha fiscal - A Receita Federal começa hoje a enviar cartas a contribuintes de todo o país, cuja Declaração do Imposto de Renda das Pessoas Físicas (IRPF) exercício 2020, ano-base 2019, esteja retida em malha fiscal, para que os próprios contribuintes promovam a autorregularização. Em Manaus, 4.124 contribuintes receberão as cartas.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.