Domingo, 15 de Dezembro de 2019
Sim & Não

MPF vê Vale do Javari em perigo


VALE_DO_JAVARI_AEEEF404-04B4-41D9-A1CA-5F140C064139.jpg
09/11/2019 às 21:49

O Ministério Público Federal (MPF) reconhece o Vale do Javari, no Amazonas, como um lugar potencialmente vulnerável a ataques. Tanto assim que requisitou apoio da Polícia Federal, do Exército Brasileiro, da Polícia Militar e da Força Nacional de Segurança para garantir a integridade física e moral dos povos indígenas da região, bem como dos  servidores da Fundação Nacional do Índio (Funai) que atuam no local. O ingresso ilegal de estrangeiros também preocupa o MPF.

Atendido   O pedido do MPF já foi acatado pela Justiça Federal que, em decisão, autorizou a medida e também determinou à União a alocação de recursos materiais e orçamentários para garantir o apoio operacional às entradas em campo das equipes da Frente de Proteção Etnoambiental do Vale do Javari por, no mínimo, seis meses. 

Motivo   Um dos motivos do pedido do MPF foi que, no último final de semana, a Base de Proteção Etnoambiental do rio Ituí-Itacoaí, uma das quatro bases que protegem a terra indígena (TI) Vale do Javari, próximo à fronteira com o Peru, foi atacada a tiros na madrugada de domingo (3). O registro de violência foi o oitavo ataque consecutivo ao território indígena desde 2018.

Genocídio   A decisão judicial destaca que deve ser mantida a continuidade da proteção e da fiscalização dos territórios indígenas na região para evitar potencial genocídio aos povos do Vale do Javari.

Flutuantes   A deputada estadual Therezinha Ruiz (PSDB) realizará na terça-feira (12), às 14h, no auditório Beth Azize, da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), uma audiência pública para tratar da legislação sobre a utilização de espaços em águas públicas federais, por postos de combustíveis e por flutuantes que desenvolvem outras atividades comerciais.

Ambiente   A audiência pública atende a solicitação da Superintendência do Patrimônio da União no Amazonas (SPU-AM). De acordo com o titular a SPU-AM, Alessandro Cohen, há uma preocupação em relação ao impacto ambiental com o funcionamento dos flutuantes nos rios e com a ausência de leis que regulamentem o uso do espaço fluvial.

Marca histórica   A Universidade Federal do Amazonas (Ufam) alcançou a marca histórica de mil professores do quadro ativo a conquistar o título de doutorado. O diretor de Planejamento Estratégico da Universidade, estatístico Herbett Rodrigues, afirma que essa conquista está em sintonia com as metas do Plano de Desenvolvimento Institucional da Universidade (PDI).

Preferido   O Volkswagen Gol é o carro mais utilizado por motoristas de aplicativos em Manaus, segundo levantamento da OLX nas empresas de transporte por aplicativo na capital amazonense.

Alta   Na OLX, aliás, de janeiro a setembro deste ano, houve um crescimento de 28% nas ofertas deste modelo em Manaus. Dentre os usuários que declaram ter vendido o veículo na plataforma, o aumento foi de 10% no mesmo período.

Líder  Hoje, 63% de todos os carros anunciados online no País estão no site aplicativo de vendas e, a cada quatro veículos, um é vendido na plataforma. São mais de 2,4 milhões de pessoas buscando por veículos todos os dias.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.