Publicidade
Sim & Não

Não houve surpresa, diz Pascarelli

04/05/2016 às 00:46
Show gfdfdfgdfg

Seguro de que também levaria a presidência do Tribunal de Justiça do AM (TJ/AM) depois de vencer as eleições do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/AM), o grupo do desembargador Flávio Pascarelli preparou com antecedência queima de fogos digna de Réveillon. A ordem para o estouro dos artefatos veio de dentro da sessão que elegeu Pascarelli assim que o último voto em favor do magistrado foi computado. “Os fogos foram uma surpresa. O votos, não”, garantiu o novo chefe do TJ/AM.  

Elegante  

Ainda presidente do Tribunal de Justiça, a desembargadora Graça Figueiredo foi cortês com o colega eleito, mas não escondeu a contrariedade. “Sou partidária da tradição”, disse, fazendo referência ao costume de “aclamar” como presidente da Corte o magistrado mais antigo. “Mas vence quem tem mais votos”, admitiu. 

Argumento  

O PSDB do Amazonas defendeu o senador Aécio Neves, citado na delação premiada do também senador Delcídio do Amaral como destinatário de propina. Em sua página no Facebook, o partido compartilhou nota à imprensa em que Aécio diz ter convicção de que as investigações “deixarão clara a falsidade das citações”. 

Tirania

O deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) aproveitou a decisão que suspendeu o funcionamento do WhatsApp no Brasil para criticar o que taxou de “ditadura do Judiciário”. “Nós não podemos tolerar isso. Nós estamos assistindo aos poucos a implantação de uma nova ditadura, a ditadura do Judiciário, que entende que deve legislar sobre tudo”. 

De enfeite  

Parou em 2013 a divulgação feita pela Assembleia Legislativa do Estado (ALE/AM), no site da Casa, sobre o resultado das votações de cada projeto e como cada parlamentar se manifestou. Foram oito publicações. Nada mais. O link, porém, permanece no ar, na seção “Transparência”. 

Workaholic  

Servidores da Secretaria de Estado da Produção Rural (Sepror) andam chateados com o titular da pasta, Sidney Leite. Dizem que ele não quer respeitar a “ordem” do governador José Melo para que o funcionalismo público só atue até às 14h. Reclamam que ele trabalha além da conta. 


Sem garantia

O secretário da Fazenda, Afonso Lobo, afirmou ontem (3) que o pagamento adiantado da primeira parcela do 13º salário dos servidores públicos, liberado pelo Estado geralmente no mês julho, pode só sair em novembro. 

Apoio

Por iniciativa do presidente do Legislativo Estadual, deputado Josué Neto (PSD), a Empbrapa terá dias de destaque no Poder, na semana que vem, quando poderá usar os espaços da Casa para exposições de produtos e serviços. Na terça (10), durante sessão especial, técnicos do órgão vão apresentar projetos e investimentos. 

Largada

O ex-deputado estadual Chico Preto (PMN) lança oficialmente nesta quinta-feira, às 17h, em evento cheio de pompa, no Da Vinci Hotel, sua pré-candidatura à Prefeitura de Manaus. Na ocasião, ele apresenta à sociedade um conjunto de ideias para a cidade. Ele vai correr as zonas da capital com as propostas. 

Negociação

A reunião do PRB com Michel Temer, que definiu a participação da sigla no novo governo, contou com a presença do deputado Silas Câmara.