Publicidade
Sim & Não

PCdoB pode ceder vice para Braga

08/06/2017 às 22:18 - Atualizado em 08/06/2017 às 22:20
Show eduardo braga0555

O PMDB do senador Eduardo Braga e o PCdoB da senadora Vanessa Grazziotin estão em franca negociação de apoio para a eleição suplementar do dia 6 de agosto. Representantes dos dois partidos já estiveram juntos, em reunião, no escritório de Braga em Manaus. Com a aliança iminente, o PCdoB descarta a composição com o PT. Sem o apoio do prefeito Artur Neto (PSDB), o vice na chapa de Eduardo Braga pode sair do ninho comunista, que conta com uma militância incansável em campanhas. 

Condição   De acordo como secretário estadual de movimentos sociais do PCdoB, Yann Evanovick, a condicionante para o apoio a Braga passa por sua manifestação contra as reformas previdenciária e trabalhista. Segundo ele, o partido não impõe a candidatura a vice, mas não descarta.

Combo  Amanhã, uma reunião entre os comunistas está marcada para definir a participação da legenda na eleição suplementar. O presidente estadual da sigla, Eron Bezerra, diz que a decisão do PCdoB vai levar em conta essa e a próxima eleição para o governo do Estado.

Mas já?  A crise entre o PMDB e o PSDB é tão grande que o peemedebista Marcel Alexandre, que mal esquentou a cadeira de comando na Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU), pode deixar o cargo por ordem do partido. 

Meia volta  Prova de que o prefeito Artur Neto mudou mesmo de opinião sobre a eleição suplementar é que a reunião agendada pelos tucanos para este sábado (10), quando definiriam posição sobre a atuação do PSDB no pleito, foi cancelada. “Ainda estamos com o quadro indefinido”, disse o presidente do diretório municipal da sigla,  Mário Barros.

Sinalização  Conforme a coluna mostrou ontem, Artur não só passou a discursar como candidato, mas alertou a secretários que se “preparem” para a campanha. Por outro lado, o tom do tucano mostra que ele quer um governador  que garanta uma parceria com a Prefeitura de Manaus  - e pode colocar seu staff à disposição de Amazonino Mendes (PDT). 

Aliança  O presidente da Câmara Municipal de Manaus, Wilker Barreto, do PHS, recebe oficialmente hoje o apoio do PV, PRP, PSL e do PTdoB (que vai passar a se chamar “Avante”). Há duas semanas, Wilker chegou a dizer que tinha o apoio do PPS e do PMN.

Esquizofrenia    Com “sede” pelo Poder Executivo, a Assembleia Legislativa do Estado (ALE/AM) simplesmente esqueceu de cumprir com seu papel nas últimas cinco semanas. Agora, as sessões da Casa são rotineiramente suspensas por falta de quorum. 

Sintomático   Na edição de ontem, o Diário Oficial do Estado (DOE) registrou que “por falta exclusiva de matérias, não será publicado o caderno relacionado ao Poder Legislativo”. Essa semana, parte dos deputados continuaram se dividindo entre a sede do governo e a Assembleia. Outros viajaram para reunião da Unale no PR.

Ciumeira  De tão bons, os resultados do programa “Fila Zero” na Saúde estão entre os motivos de animosidade entre o governador David Almeida e antigos gestores. Está provado que, em parte, a questão era administrativa.