Publicidade
Sim & Não

Professores e pedagogos prometem pressão

29/01/2017 às 21:41 - Atualizado em 29/01/2017 às 21:50
Show semed

Profissionais aprovados no concurso público da Secretaria Municipal de Educação (Semed) realizado em 2014 prometem não dar sossego ao prefeito Artur Neto. São 254 pedagogos e 282 professores que exigem nomeação. Hoje, está agendada uma reunião entre o prefeito e representantes da Semed e da Defensoria Pública para chegar a um acordo. No ano passado, a Semed havia se comprometido em convocar todos até o dia 09 de janeiro, o que não aconteceu.

Processos seletivos  Os concursados planejam uma série de manifestações caso não sejam atendidos em seu pleito. Eles denunciaram ao Ministério Público do Estado o fato de que a Semed realiza processos seletivos para preencher vagas que poderiam ser ocupadas por profissionais aprovados no concurso público de 2014. 

Tarifa  O deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) postou um texto no Facebook ressaltando que o novo valor da passagem de ônibus não é R$3,30, mas R$3,54, sendo que a Prefeitura arca com o subsídio de R$0,24. “O que não foi dito é que a diferença de R$ 0,24 será paga por todos os manauaras, usem ou não o sistema, já que sairá dos cofres públicos municipais”, diz Serafim. O subsídio deve totalizar R$ 60 milhões só neste ano.

Manifestação  Pais dos alunos da Escola Estadual Eldah Bitton, na Compensa, preparam para esta segunda-feira, a partir das 9h, uma nova manifestação na frente da unidade, na tentativa de impedir que ela se transforme em mais um colégio da Polícia Militar (PM). 

Taxas  Os pais não concordam com a mudança e nem com as cobranças de taxas de matrícula e de aquisição de material escolar. A transformação de escolas públicas em unidades da PM vem sendo duramente combatida pelo Ministério Público Estadual, que já se posicionou sobre o assunto.

Registro cassado Quase quatro anos após ser denunciado por diversos pacientes, de erro médico durante cirurgias plásticas, o Conselho Federal de Medicina decidiu, por unanimidade, cassar o registro profissional de Carlos Jorge Cury Mansilla, que deixa de ser médico. Não cabe mais recurso. 

Partilha  Prefeitos de municípios do interior  estão na expectativa de receber repasses maiores na partilha do ICMS pelo governo do Estado. Com o fim do subsídio que o governo concedia às empresas de transporte coletivo em Manaus, o bolo fica maior, o que significa fatias mais gordas. Os municípios ficam com 25% da arrecadação de ICMS, segundo critérios como  população e  extensão territorial.

Adail  O indulto concedido ao ex-prefeito de Coari, Adail Pinheiro, e que garantiu a liberdade a ele, continua causando reações. Ontem, o senador Magno Malta (PR-ES), que integrou a CPI da Pedofilia, usou as redes sociais para protestar contra a libertação de Adail, que ele considera “um símbolo do abuso contra crianças”.

Errata   Arnaldo Grijó, cotado para assumir o comando da Secretaria de Estado da Saúde (Susam) no lugar de Pedro Elias – que decide hoje seu futuro em reunião com o governador José Melo – , não é secretário executivo da pasta como foi publicado na página A5 do último sábado.